MENU

Abaixo-assinado pela liberdade religiosa e de expressão é lançado em São Paulo

Abaixo-assinado pela liberdade religiosa e de expressão é lançado em São Paulo

Atualizado: Segunda-feira, 24 Novembro de 2008 as 12

Abaixo-assinado pela liberdade religiosa e de expressão é lançado em São Paulo

Aprovado na Câmara Federal, o Projeto de Lei 122/2006, que criminaliza qualquer manifestação contra o homossexualismo, pode entrar a qualquer momento em votação no Senado.

Para exigir do Congresso Nacional a não-aprovação do PLC 122/06, foi iniciado um abaixo-assinado. A manifestação é uma iniciativa do Conselho de Pastores e Ministros Evangélicos de São Paulo. Para o idealizador do manifesto, o deputado estadual Waldir Agnello (PTB), a Igreja precisa estar atenta e agir de maneira rápida e eficiente: "Se ela for omissa, abrirá uma porta muito perigosa.Temos condições de causar um grande impacto no meio político".

Agnello explica que a lei cria privilégios a um segmento social e deturpa direitos de outros: "Pode-se falar contra os pastores, padres, políticos e a imprensa, mas falar contra o homossexualismo, não!". Para o deputado, os direitos de que trata a Lei já estão garantidos pela Constutuição a qualquer cidadão.

Para o presidente do CPESP (Conselho de Pastores do Estado de São Paulo), pastor Jabes de Alencar, a aprovação do PLC 122/06 traria consequências desastrosas aos ensinamentos cristãos.

José Luiz de Oliveira, presidente da Comissão de liberdade religiosa da OAB, defende que a mobilização contra essa lei deve ser feita de maneira ampla e profunda diante do número de evangélicos do Brasil.

Quem desejar participar do manifesto e colher novas assinaturas, pode imprimi-lo clicando aqui ou ligando para o telefone (11) 3854-7161. Os abaixo-assinados deverão ser enviados para a caixa postal nº 747 CEP: 01031-970 - São Paulo / SP.

CLIQUE AQUI

Para fazer o Download do

Abaixo-assinado:

veja também