MENU

Acordo encerra protesto de policiais em Rondônia, diz PM

Acordo encerra protesto de policiais em Rondônia, diz PM

Atualizado: Segunda-feira, 9 Maio de 2011 as 2:55

Um acordo finalizado na madrugada desta segunda-feira (9) entre a Associação dos Familiares de Praças da Polícia Militar do Estado de Rondônia (Assfapom) e o governo do estado encerrou protestos de policiais que estavam sendo registrados desde quinta-feira, informou a Polícia Militar.

Segundo o assessor de imprensa da PM, Lenilson Guedes, a Casa Civil e a Secretaria de Segurança Pública de Rondônia se comprometeram a dar a todos os servidores o reajuste salarial de 8%. O senador Valdir Raupp (PMDB) e lideranças locais participaram da negociação, afirmou Guedes.

Conforme a PM, os grevistas pediam 40% de aumento e a libertação do presidente de associação, detido na última quinta-feira sob suspeita de incitar a greve dos policiais. O governo se comprometeu a libertar o PM desde que haja determinação judicial favorável, diz a corporação.

Na tarde de domingo (8), pelo menos 100 policiais militares realizaram um protesto em frente à sede do 1º Batalhão da PM, no centro de Porto Velho. O governo enviou homens da Força Nacional e tropas especializadas para conter o tumulto e a Assfapom divulgou nota temendo confronto entre os policiais manifestantes e a polícia.

Segundo a PM, os grevistas se comprometeram a retomar nesta segunda-feira o trabalho normal. A manifestação, diz a corporação, atingiu apenas policiais da capital do estado. O G1 não conseguiu contato com a vice-presidente da Assfapom, Ada Dantas, para comentar o acordo.  

veja também