MENU

Advogado deve recorrer de internação de menor envolvido no caso Eliza

Advogado deve recorrer de internação de menor envolvido no caso Eliza

Atualizado: Quarta-feira, 11 Agosto de 2010 as 2:38

A defesa do adolescente de 17 anos envolvido no desaparecimento e morte de Eliza Samudio, ex-namorada do goleiro Bruno de Souza, deve recorrer da decisão do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) de manter o menor internado por tempo indeterminado.

O TJMG divulgou, na segunda-feira (9), que o adolescente vai cumprir medida socioeducativa de internação por tempo indeterminado. Segundo o TJ, o juiz Elias Charbil Abdou Obeid, da Vara da Infância e da Juventude de Contagem (MG), considerou que o menor participou de atos infracionais equivalentes a homicídio triplamente qualificado e sequestro e cárcere privado. A cada seis meses, um juiz vai avaliar se o menor permanecerá ou não internado. O prazo máximo de internação previsto para menores de idade é de três anos.

O advogado do menor, Eliézer Jonathas de Almeida Lima, diz que vai apelar ao TJMG assim que receber a intimação da sentença – que foi publicada na terça-feira (10). De acordo com ele, o prazo para recorrer é de 5 a 10 dias.

Segundo Lima, uma das justificativas para o recurso é o fato de que o menor diz que foi chamado apenas para “dar um susto” em Eliza Samudio e não tinha conhecimento sobre o sequestro e o cárcere privado. O advogado diz ainda que vai recorrer da sentença do TJMG com base na falta de materialidade, ou seja, o fato de o corpo de Eliza Samudio não ter sido encontrado pela polícia. Para Lima, o juiz entendeu que havia materialidade indireta com base nos depoimentos do adolescente. Mas, segundo o advogado, o adolescente teria negado o primeiro depoimento no dia da acareação com Sérgio Ferreira Sales, primo do goleiro.

O adolescente está detido no Centro de Internação Provisória São Benedito, no bairro Horto, em Belo Horizonte.

Presos

Bruno, Luiz Henrique Romão - Macarrão, Bola, Elenilson, Wemerson e Flavio estão presos no Complexo Penitenciário Nelson Hungria, em Contagem (MG). O primo do goleiro, Sérgio Rosa Sales, está no Centro de Remanejamento de Presos São Cristóvão, em Belo Horizonte. A mulher de Bruno, Dayanne Souza; e Fernanda Gomes de Castro, identificada pela polícia como namorada do goleiro; estão no Complexo Penitenciário Estevão Pinto, em Belo Horizonte.     Postado por: Thatiane de Souza

veja também