MENU

Agetransp abre processo para apurar descarrilamento de trem no Rio

Agetransp abre processo para apurar descarrilamento de trem no Rio

Atualizado: Segunda-feira, 8 Novembro de 2010 as 1:45

Depois do descarrilamento de um trem da SuperVia no último domingo (7), entre as estações da Praça da Bandeira, na Zona Norte do Rio, e Central do Brasil, a Agetransp (Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários, Ferroviários, Metroviários e de Rodovias do Estado do Rio de Janeiro) informou, nesta segunda-feira (8), que abriu processo regulatório para apurar as causas do acidente.

Procurada pelo G1, a SuperVia declarou que irá entregar em até 30 dias um relatório sobre o incidente para a agência. Segundo a concessionária, tecnicamente, não houve descarrilamento, mas um "problema operacional", que teria impedido a composição, que vinha de Santa Cruz, na Zona Oeste, de prosseguir viagem nas proximidades da estação da Praça da Bandeira.

Ainda de acordo com a SuperVia, agentes do controle operacional foram chamados e orientaram os usuários a descer da composição e caminhar até a Central da Brasil. Ninguém ficou ferido e a circulação de trens não chegou a ser interrompida.

veja também