Alckmin diz que Metrô chegará à Grande SP

Alckmin diz que Metrô chegará à Grande SP

Atualizado: Segunda-feira, 28 Março de 2011 as 2:59

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, disse nesta segunda-feira (28) durante a inauguração da Estação Butantã do Metrô, na Zona Oeste de São Paulo, que pretende levar a Linha 4-Amarela até Taboão da Serra, na região metropolitana. A estação, que ainda não tem data para início de obras, seria a primeira do Metrô de São Paulo fora da capital paulista. O governo pretende que ela seja construída por meio da mesma parceria público-privada (PPP) que irá realizar outras estações da mesma linha, como a São Paulo-Morumbi e a da Vila Sônia.

“Pretendemos ir com o Metrô até Taboão da Serra. Então pela primeira vez ele sairá da capital para a região metropolitana. Nós estamos imaginando uma PPP, já é assim até a Vila Sônia, então podemos estendê-la até Taboão da Serra. Com isso nós vamos ganhar tempo”, disse o governador, que, entretanto, não deu datas. “Vamos esperar receber as propostas [da PPP], em questão de 30, 40 dias.”

Cinco estações da Linha 4 serão feitas por meio de PPP: além de Vila Sônia e Morumbi, Fradique Coutinho, Oscar Freire e Higienópolis. Elas fazem parte da segunda etapa da linha e devem ser entregues até 2014. Três estações já estão em funcionamento – Butantã, inaugurada nesta segunda, Faria Lima e Paulista. Até maio, será entregue a Estação Pinheiros e, no segundo semestre, as estações República e luz.

Alckmin também afirmou que Linha 6 do Metrô está em processo de confecção do projeto, e que sua pré-qualificação deve ser feita no mês de maio. As obras devem ser iniciadas ainda este ano, assim como as da Linha 17.    

veja também