MENU

Alcoolismo em índios preocupa Funasa

Alcoolismo em índios preocupa Funasa

Atualizado: Quinta-feira, 24 Junho de 2010 as 9:42

O alcoolismo entre integrantes de comunidades indígenas é motivo de preocupação na Fundação Nacional de Saúde (Funasa). No Paraná, a entidade tem responsabilidade sobre 13 mil índios - principalmente das tribos caingangue e guarani - e realiza um trabalho de identificação, prevenção e combate ao problema.

O mesmo é desenvolvido em parceria com a Fundação Nacional do Índio (Funai), Secretaria de Estado da Educação e Ministério Público Estadual. A Funasa não divulga dados sobre a quantidade de índios vítimas do alcoolismo.

Entretanto, informa que o problema não é exclusivo do Paraná, atingindo populações indígenas de todo país e gerando uma série de transtornos às mesmas.

“Nas aldeias, o alcoolismo resulta na desestruturação familiar, no aumento da percepção de doenças sexualmente transmissíveis, em uma série de patologias associadas ao álcool e mesmo em óbitos, como por afogamentos, atropelamentos, homicídios e suicídios”, comenta o chefe do Distrito Sanitário Especial Indígena da Funasa, Paulo Camargo.

Postado por: Cristiano Bitencourt

veja também