MENU

Alexandre chora três vezes durante júri

Alexandre chora três vezes durante júri

Atualizado: Quinta-feira, 25 Março de 2010 as 12

Alexandre Nardoni, acusado de matar a própria filha em 2008, chorou três vezes durante interrogatório realizado na manhã desta quinta-feira (25) no Fórum de Santana, na Zona Norte de São Paulo. Mais uma vez, ele negou ter jogado a menina pela janela.

Antes de relatar como foi o último dia de vida da filha, o réu pediu ao juiz que preside o julgamento, Maurício Fossen, para olhar na direção dos jurados. Com o pedido concedido, ele se virou e, olhando para as sete pessoas que decidirão seu destino, lembrou que, na noite de 29 de março de 2008, Isabella estava muito feliz.

Ao lembrar que a menina havia ensinado aos meio-irmãos como nadar, chorou. Ele veio às lágrimas também ao ver sentada no plenário sua mãe, Maria Aparecida Nardoni. Esta foi a primeira vez desde segunda-feira (22), data do início do julgamento, que a mulher foi ao Fórum de Santana, na Zona Norte de São Paulo. Outro momento em que o réu se emocionou foi quando relatou ter visto pela janela o corpo da filha caída no jardim do Edifício London.

veja também