MENU

Anastasia diz que chapa "Dilmasia" não tem amparo na realidade

Anastasia diz que chapa "Dilmasia" não tem amparo na realidade

Atualizado: Quinta-feira, 8 Abril de 2010 as 12

O governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia (PSDB), disse que entedeu as declarações de Dilma Rousseff como "um reconhecimento" ao governo do Estado. No dia anterior, em visita a Minas, a pré-candidata petista elogiou o ex-governador Aécio Neves e defendeu a chapa apelidada de "Dilmasia" ou "Anastadilma".

Dilma falava sobre a eventualidade de ocorrer algo semelhante a 2002 e 2006, quando Aécio foi eleito governador, mas Lula foi o mais votado para presidente em Minas - o voto 'Lulécio'.

Anastasia afirmou, porém, que a frase de Dilma não tem nenhum amparo na atual realidade política. Disse que o candidato à Presidência dos tucanos é o ex-governador de São Paulo José Serra e que é ele quem deve levar a maioria dos votos do eleitorado mineiro.

"Essa expressão não vai encontrar amparo na realidade, até porque cada eleição tem uma realidade, então acredito que o governador Serra vai ter um desempenho muito bom lá. Alguns votos eventuais vão acontecer, mas o Serra tem uma identidade, ele é muito conhecido em Minas", disse Anastasia durante visita a deputados e senadores em Brasília.

Sobre o constrangimento causado entre os aliados da ministra Dilma no Estado por causa das declarações dos petistas, ele respondeu: "a nossa preocupação agora é o nosso lado, arrumar bem o nosso lado".

Por: Marcia Clara Cabral

veja também