MENU

Anistia a bombeiros será discutida nesta quinta pela CCJ da Câmara

Anistia a bombeiros será discutida nesta quinta pela CCJ da Câmara

Atualizado: Quinta-feira, 30 Junho de 2011 as 11:38

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados discute, nesta quinta-feira (30), três propostas que tratam de anistia aos cerca de 400 bombeiros e dois policiais militares do Rio de Janeiro.

Os projetos, que foram reunidos em um único documento, serão votados em caráter conclusivo (sem necessidade de ir ao plenário). Se aprovados, seguem para o Senado, segundo a assessoria da presidência da Casa.

Ainda conforme a presidência, a decisão de votar as matérias ainda nesta quinta foi tomada após acordo entre o presidente da Câmara, deputado Marco Maia (PT-RS), e o presidente da comissão, deputado João Paulo Cunha (PT-SP). A assessoria informou que a única exigência era de que os parlamentares fluminenses fossem à reunião para que houvesse quórum.

A CCJ do Senado já havia aprovado na semana passada em caráter conclusivo um projeto de anistia aos bombeiros. A assessoria de Marco Maia disse que a escolha de votar os textos criados na Câmara e de não esperar o que foi aprovado no Senado, de autoria do senador Lindberg Farias (PT-RJ), foi devido ao tempo. Segundo eles, o texto de Lindberg Farias não era consensual e teria que sofreria algumas alterações, o que retardaria ainda mais o processo de anistia.

Um dos porta-vozes do grupo de militares que veio a Brasília para uma manifestação em frente ao Congresso nesta quarta-feira (29), cabo Balthar, informou que o grupo acompanha a reunião da CCJ nesta quinta e retorna ao Rio assim que o encontro for concluído. “Viemos assistir de perto, certos de que voltaremos para casa com uma decisão positiva”, completou.          

veja também