MENU

Ao sair de garagem, mãe não vê filho e o atropela

Ao sair de garagem, mãe não vê filho e o atropela

Atualizado: Quarta-feira, 5 Fevereiro de 2014 as 6

atropelamento
O menino Maycon Douglas da Silva, de 3 anos, morreu atropelado no quintal de sua residência, no Jardim Santa Mônica, em Presidente Prudente, por volta das 20h45 desta terça-feira (4), quando sua mãe retirava o carro da garagem. A operadora de caixa, de 24 anos, estava dirigindo um Ford Ka e, segundo informações do registro policial, não percebeu a presença do filho atrás do veículo. A criança foi socorrida pelos pais, mas não resistiu e morreu no hospital.
 
Segundo informações do boletim de ocorrência, os pais socorreram a criança e o menino foi encaminhado ao Pronto Socorro do Hospital Regional (HR) de Presidente Prudente. Porém, não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital.
 
Ainda conforme o registro policial, devido ao estado de trauma dos pais, a operadora de caixa e seu esposo, técnico em eletrônica, de 30 anos, não prestaram depoimento na delegacia, já que encontravam-se com estado emocional abalados. Os pais do menino desmaiaram e passam por atendimento médico no HR.
 
Uma vizinha, que mora ao lado da residência da família e preferiu ter a identidade preservada, afirmou que o casal tem outro filho mais velho. “O menino que foi atropelado era mais novo, o outro tem aproximadamente 8 anos. A casa está fechada e os pais ainda estão internados no HR, pois ficaram muito abalados”, afirma.
 
Os policiais foram até a residência para a realização da perícia no local e no veículo.
O menino, Maycon, será enterrado nesta quarta-feira (5), às 16h, no Cemitério Municipal São João Baptista, em Presidente Prudente.
 

veja também