MENU

Após Crepúsculo, Robert Pattinson teme barreira em cinema "sério"

Após Crepúsculo, Robert Pattinson teme barreira em cinema "sério"

Atualizado: Quinta-feira, 25 Março de 2010 as 12

O ator britânico Robert Pattinson, 23, que virou ídolo de adolescentes do mundo todo desde que aceitou interpretar o sexy e melancólico vampiro da saga "Crepúsculo", teme que o sucesso da série o impeça de ter acesso a "papéis sérios" de agora em adiante.

"A histeria dos fãs de 'Crepúsculo' se tornou incontrolável. Além disso, tenho medo de que, por isso, não voltem a me oferecer papéis sérios", declarou o ator ao mais recente número da edição alemã da revista "InTouch", que chega às bancas hoje.

A fama e o sucesso também têm um lado obscuro, segundo Pattinson, que afirmou que tanta atenção do público o tornou "mais inseguro" e um "pouco paranoico".

"Não só tenho um medo irracional de fracassar, como também tenho medo de que tudo saia bem. Não importa como as coisas fluem, é difícil", afirmou.

Na entrevista, ele contou ainda que, quando anda na rua, "constantemente" olha para trás e para os lados, para ter certeza de não estão sendo seguido por "uma horda" de fãs da saga.

O ator, que voltará a interpretar o vampiro Edward Cullen em "Eclipse", ficou conhecido depois de participar de dois filmes baseados em outra popular história saída dos livros: "Harry Potter e o Cálice de Fogo" e "Harry Potter e a Ordem da Fênix".

Sobre o assédio feminino, Pattinson disse que não costuma fazer muito sucesso com as mulheres.

"Não, realmente, não. Às vezes, sim. Depende de quem é a menina", comentou.

veja também