MENU

Após morte de policial federal, polícia prende 4 em operação no RJ

Após morte de policial federal, polícia prende 4 em operação no RJ

Atualizado: Quinta-feira, 27 Outubro de 2011 as 9:12

Uma operação conjunta das polícias Federal e Militar prendeu, na noite desta quarta-feira (26), quatro suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas, em Niterói, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. As informações foram confirmadas pela Polícia Militar. Segundo a PM, a ação visava prender os suspeitos de matar um policial federal , mais cedo, em Piratininga, também em Niterói.

O crime aconteceu por volta das 15h, próximo à Favela do Jacaré. De acordo com as primeiras informações da PM, a vítima, que atuava na Delegacia Fazendária da Polícia Federal, passava de moto pela região, quando foi baleada por criminosos, que conseguiram fugir. O agente morreu no local. A polícia ainda investiga as causas do crime.

Drogas apreendidas

Momentos após o crime, a polícia iniciou uma operação na região, que contou com equipes da Delegacia Fanzendária e do 12º BPM (Niterói). Segundo a PM, os quatro suspeitos foram presos em flagrante próximo ao Morro Boa Esperança. Com eles, os policiais apreenderam grande quantidade de drogas. Não houve confrontos.

Os presos e as drogas apreendidas foram levados para a 77ª DP (Icaraí), onde o caso foi registrado. A polícia disse, ainda, que a operação terminou no fim da noite e que os suspeitos presos não possuem ligação com a morte do policial federal. Ninguém ficou ferido na ação.

Agente estava de serviço, diz PF

A Polícia Federal confirmou a morte do agente. Segundo o delegado Hilton Coelho, da Delegacia Fazendária, o policial estava de serviço quando foi baleado. O delegado disse, ainda, que não passará outros detalhes sobre o caso para não atrapalhar as investigações. De acordo com ele, um inquérito policial será aberto para apurar o crime.

O delegado Hilton Coelho informou, ainda, que a polícia já identificou três suspeitos de envolvimento no crime. Ele disse que, durante a operação da noite desta quarta, os agentes interrogaram pessoas que teriam envolvimento com os criminosos. Apesar do fim da operação, o delegado informou que equipes continuam realizando buscas na região e em outros bairros de Niterói.        

veja também