Assembleia gaúcha aprova mudanças nas aposentadorias

Assembleia gaúcha aprova mudanças nas aposentadorias

Atualizado: Quinta-feira, 30 Junho de 2011 as 7:58

O governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro (PT), conseguiu aprovar na quarta-feira (29) na Assembleia gaúcha um pacote de mudanças na Previdência estadual apelidado de "pacotarso".

Segundo Tarso, a reforma impede que o Estado passe por uma crise financeira. "Não vai acontecer no Rio Grande do Sul a deteriorização completa dos salários por não pagamento de pensões", disse.

Pressionados pelo funcionalismo, os deputados da base aliada corriam o risco de não obter a maioria. Eles decidiram então levar um projeto modificado.

Inicialmente, o governo queria dois patamares de contribuição. Quem ganha mais de R$ 3.700 contribuiria com 16,5%. O restante continuaria pagando 11%.

A oposição dizia que a proposta era inconstitucional.

Os governistas recuaram ao sugerir alíquota única de 14%. Quem recebe salários mais baixos ganhará uma espécie de compensação.

Com a mudança, o governo gaúcho deixará de arrecadar R$ 20 milhões ao ano em relação ao pacote original.

A votação foi marcada por protestos. Para obter apoio, o governo chegou a exibir propagandas defendendo e tentou promover um "tuitaço".

Entidades de servidores estudam entrar na Justiça.

veja também