MENU

Atendimentos em hospitais do Rio caem 13% com Lei Seca, em um ano

Atendimentos em hospitais do Rio caem 13% com Lei Seca, em um ano

Atualizado: Sexta-feira, 16 Setembro de 2011 as 2:50

Com a implantação da Lei Seca no estado do Rio de Janeiro, em 2009, o número de vítimas de acidente de trânsito diminui 13 % em quatro grandes hospitais da capital. Esse número corresponde a dois mil atendimentos a menos, conforme dados da Secretaria municipal de Saúde. As informações são do governo do estado.

Segundo o governo, o Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste atendeu, em 2009, 3,8 mil vítimas de acidentes de carro. Em contrapartida, em 2010 foram 2,6 mil atendimentos. As ações da Lei Seca são planejadas de acordo com o índice de acidentes na região. Na Avenida das Américas, na Barra da Tijuca, são realizadas cinco operações por semana, em pontos diferentes da via.

No Hospital Miguel Couto, na Gávea, na Zona Sul, onde era grande o número de acidentes envolvendo jovens alcoolizados, houve uma redução de 240 vítimas atendidas, no ano passado. Em 2009, foram registradas 5.618, contra 5.302 em 2010.      

veja também