MENU

Atitudes que salvam o mundo

Atitudes que salvam o mundo

Atualizado: Terça-feira, 5 Junho de 2012 as 7:40

Não é preciso uma mudança radical nas atitudes do dia-a-dia. O importante é que pequenos hábitos como reduzir a produção de lixo, usar sacolas retornáveis, evitar usar o carro e economizar água e energia comecem a fazer parte do cotidiano. Veja abaixo algumas medidas muito simples que fazem bem para a natureza.

1) Reduzir e separar o lixo

Estima-se que o Brasil produza cerca de 150 mil toneladas de lixo todos os dias. Não basta apenas separar o lixo reciclável, é preciso diminuir o lixo.
Como fazer isto:
- Escolha produtos com menos embalagens.
-Separe o lixo em quatro categorias: orgânico, papel, metais, alumínio e plástico.
- Entregue as garrafas PET, papel e latinhas de alumínio para reciclagem. Isto reduz o lixo e gera empregos no país.
- Baterias e celulares antigos devem ser entregues nas lojas.
- Não jogue o óleo pelo ralo, pois ele contamina a água. Entregue óleo usado para reciclar em redes de supermercados.

2) Usar sacolas retornáveis

A sacola de plástico chega a representar 40% das embalagens jogadas no lixo e leva até 400 anos para se decompor. O consumidor deve se preocupar com a durabilidade das sacolas, pois quanto menor a produção de sacolas, menor será a poluição ambiental.
Como fazer isto:
- O ideal é usar sacolas de pano, caixas de papelão ou carrinhos de feira.
- Sacolas de papel são bonitas, mas não são as ideais. Elas têm pouca resistência: rasgam-se com facilidade e estragam quando molhadas.
- Para quem vai ao supermercado de carro, a alternativa mais ecológica e barata é reutilizar caixas de papelão.
- Para quem faz compras a pé ou de ônibus, recomenda-se o uso de ecobags, sacolas reutilizáveis ou o carrinho de feira.

3) Reduzir o uso de gasolina

Os carros emitem CO2, gás causador do aquecimento global. De acordo com estudo do Instituto Akatu, uma pessoa que vai para o trabalho de carro contribui para o aquecimento global, em dois dias, o mesmo que se tivesse feito essa trajetória de metrô durante um mês inteiro.
Como fazer isto:
- Privilegie o uso de transporte público.
- Organize um sistema de caronas com amigos e vizinhos.
- Para pequenas distâncias prefira ir a pé ou de bicicleta. É bom para a saúde.
- Se realmente precisar de um carro prefira o modelo 1.0 ao 2.0. Quanto mais potente o motor, mais CO2 ele emite. Motor a gasolina também emite mais que a álcool.
 

4) Economizar água

Ambientalistas afirmam que é preciso uma mudança radical no consumo para que todos tenha acesso à água potável. Atualmente, cerca de 800 milhões de pessoas no mundo ainda não tem acesso à água potável. Levando em conta o crescimento populacional e o desenvolvimento econômico este cenário só vai piorar. Entende-se por mudança de consumo, a economia de água.
Como fazer isto:
- Demore menos no banho. Se metade das famílias de uma cidade de 100 mil habitantes reduzisse o tempo de chuveiro aberto de 10 para 5 minutos no banho diário, economizaria água para abastecer toda a cidade por quase dois meses.
- Preste atenção a pequenos vazamentos de água. Estima-se que em um mês, um cano com um pequeno furo desperdice o equivalente a dez caminhões-pipa cheios de água.
- Escove os dentes de torneira fechada.
- Também não deixe a torneira ligada enquanto ensaboa a louça.

5) Use menos energia

Não é o caso de viver às escuras, mas medidas simples podem reduzir o uso de energia e diminuir a conta de luz. Portanto, além de evitar o aquecimento global, o dinheiro também é poupado.
Como fazer isto:
- Desligue os aparelhos eletrônicos pelo botão de liga e desliga e não apenas pelo controle remoto. Deixar no standy-by pode responder a até 25% do consumo do equipamento.
- Deixe a geladeira com a manutenção e a vedação em dia, assim ela não precisa trabalhar mais, e consequentemente gastar mais energia, para resfriar seu interior.



veja também