MENU

Auxiliares da educação do DF decidem em assembleia manter greve

Auxiliares da educação do DF decidem em assembleia manter greve

Atualizado: Quinta-feira, 12 Maio de 2011 as 3:52

Os auxiliares de educação decidiram em assembleia, no início da tarde desta quinta-feira (12), manter a greve iniciada na última segunda-feira (9). A decisão foi aprovada por unanimidade em reunião do Sindicato dos Auxiliares de Administração Escolar no Distrito Federal, em frente ao Palácio do Buriti.

Auxiliares da educação aprovam a continuação da greve nesta quinta-feira (12). (Foto: G1 DF)

  No fim da manhã, uma comissão de negociação do sindicato se reuniu com representantes do governo. Segundo o secretário-geral do sindicato, Denivaldo Alves, a categoria não aceitou a proposta do governo de aumento no auxílio-alimentação de R$ 198 para R$ 304 porque espera ter atendidas outras reivindicações.

De acordo com Alves, ficou decidido que uma equipe técnica de administração do GDF vai começar a construir, em conjunto com a categoria, uma proposta financeira para os auxiliares. “Eles vão avaliar as contas do governo e estabelecer um cronograma para implantar as reivindicações”, declarou.  Um outro encontro entre servidores e governo será realizado na próxima segunda-feira (16).

A assessoria da Secretaria de Administração confirmou que o secretário de Governo, Paulo Tadeu, e o secretário de Administração Pública, Denilson Bento da Costa, vão estudar detalhadamente a situação do governo e apresentar, na próxima reunião, um panorama aos auxiliares da educação.        

veja também