MENU

Avião da TAM deixa o RJ com destino a Alemanha após ameaça de bomba

Avião da TAM deixa o RJ com destino a Alemanha após ameaça de bomba

Atualizado: Terça-feira, 26 Julho de 2011 as 8:14

O voo 9374 (antigo 8102) da TAM com destino a Frankfurt, na Alemanha, decolou do Aeroporto Internacional Tom Jobim, na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro, por volta das 5h36 desta terça-feira (26). As informações foram confirmadas pela Infraero. Segundo a empresa, os passageiros foram retirados da aeronave na noite de segunda (25) após uma ameaça de bomba .

Em nota oficial, a TAM informou que o voo havia sido liberado para decolar após inspeção. Policiais federais inspecionaram a aeronave e as bagagens. Além da Polícia Federal, homens do Esquadrão Antibombas também foram chamados. Cães farejadores auxiliaram as buscas. Anteriormente, o voo estava previsto para deixar a cidade do Rio às 21h de segunda-feira.

Ainda de acordo com a TAM, a denúncia de que havia uma bomba na aeronave partiu de um passageiro que estava a bordo. Ele foi detido pelos agentes federais para prestar depoimento. Entre tripulação e passageiros, a aeronave teria cerca de 200 ocupantes, sendo alguns deles atletas que participaram dos Jogos Mundiais Militares no Rio.     Passageiros receberam orientações

Segundo a companhia aérea, com a suspeita de bomba, os passageiros receberam orientações ainda a bordo da aeronave, desembarcaram com a ajuda da tripulação e tiveram de aguardar no setor de embarque do terminal. Durante o trabalho de varredura dos agentes, os passageiros receberam lanches e assistência. Não houve atrasos em outros voos, de acordo com a TAM.

A companhia aérea divulgou uma nota sobre o assunto por volta de 3h30. Veja a íntegra:

"A TAM informa que os passageiros do voo 8102 (Rio de Janeiro-Galeão/Frankfurt), com previsão de decolagem para ontem, 25, às 21h, precisaram ser desembarcados após uma ameaça de bomba, feita por um passageiro, detido pela Policia Federal. Como estabelece o procedimento para estes casos, a aeronave e as bagagens foram inspecionadas por policiais e o voo foi liberado, com previsão de decolagem para as 4h. Os passageiros receberam toda a assistência da companhia".&S236;&S234;            

veja também