MENU

Bancos seguem sem cumprir lei dos 15 minutos

Bancos seguem sem cumprir lei dos 15 minutos

Atualizado: Sexta-feira, 20 Agosto de 2010 as 9:44

A Prefeitura muito comemorou com a derrubada da liminar da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), que suspendia a Lei Municipal dos 15 minutos. Mas as agências bancárias da cidade seguem descumprindo a norma, que limita em 15 minutos o tempo máximo para que os clientes sejam atendidos. Para evitar a punição de Órgãos municipais, as agências burlam a legislação da seguinte forma: em vez de deixar o cliente à espera pelo atendimento, o deixa em uma grande fila para conseguir as senhas.

São as senhas que registram o suposto horário de chegada dos clientes aos estabelecimentos, e que servem de referência para a fiscalização da lei. Só depois de uma longa espera, o cliente é liberado para entrar e ser atendido pelos funcionários. "É uma estratégia do banco para que fiquemos do lado de fora aguardando. Lá dentro é muito rápido", explica a supervisora de marketing Leila Negreiros.

Outros bancos fazem uma espécie de triagem para evitar que as agências fiquem cheias. "Eles só deixam entrar depois que passa por uma recepção montada na parte da frente, antes da porta giratória. Carimbam os documentos que estão aceitando ou não", diz a assistente financeira Anne Emanuelle.  

veja também