MENU

Barcas não terão viagens extras nos horários de pico nesta terça-feira

Barcas não terão viagens extras nos horários de pico nesta terça-feira

Atualizado: Terça-feira, 24 Agosto de 2010 as 8:37

Por causa do acidente de segunda-feira (23), quando um catamarã se chocou com as pedras no Aterro do Gragoatá, em Niterói Região Metropolitana do Rio, as viagens extras que costumam ser realizadas nos horários de maior movimento foram suspensas na manhã desta terça-feira (24). Isso pode significar mais filas nas estações.

O acidente com o catamarã Ingá II, que teve uma pane eletrônica, aconteceu por volta das 8h de segunda-feira (23), mas a volta para casa no fim do dia foi prejudicada.

Na manhã desta terça-feira (24), o movimento de passageiros é tranquilo. Não há filas e o embarque transcorre normalmente. No entanto, a concessionária Barcas S.A. pede para que os usuários evitem o horário de maior movimento, das 7h30 às 8h30, já que a frota está reduzida.

 A operação é normal em todas as linhas das barcas. O trajeto Niterói-Praça XV opera com intervalos de 10 minutos, até as 10h. Na linha seletiva Charitas-Rio, os intervalos dos catamarãs são de 15 minutos. A próxima viagem do Cocotá parte às 9h20. De Paquetá para a Praça XV, a próxima embarcação parte às 9h.

Estão em operação três catamarãs e duas barcas convencionais. A concessionária informa que não há embarcações para reposição.

Em virtude do acidente com o catamarã Ingá II , a embarcação ficará fora de operação por dois dias para inspeção. A concessionária Barcas S.A. informou em nota que 16 passageiros e dois tripulantes ficaram levemente feridos no acidente com o catamarã Ingá II.

A embarcação, com 376 passageiros a bordo, saiu da Praça Quinze às 7h50 desta segunda-feira (23). A Barcas S.A. diz ainda que o catamarã " atracou na pedras do Aterro do Gragoatá", perto de Niterói.

No entanto, de acordo com o Corpo de Bombeiros, 15 pessoas que estavam no Ingá II ficaram feridas. Elas sofreram ferimentos sem gravidade e foram socorridas por homens dos quartéis de Niterói e e Itaipu. Elas foram levadas para o Hospital Azevedo Lima e para o Centro Policlínico de Niterói

Em nota, a Capitania dos Portos, informou que uma equipe de inspetores foi designada para apurar o acidente, e será aberto um inquérito administrativo. O resultado deverá sair em 90 dias.

Postado por: Thatiane de Souza

veja também