MENU

Batedores da PM e Exército chegam para escolta de corpo de Alencar

Batedores da PM e Exército chegam para escolta de corpo de Alencar

Atualizado: Quarta-feira, 30 Março de 2011 as 6:35

Tahiane Stochero Do G1, em São Paulo

Batedores farão escolta do corpo até aeroporto

(Foto: Tahiane Stochero/G1)   Está previsto para as 6h30 desta quarta-feira (30) a saída do Hospital Sírio-Libanês, no Centro de São Paulo, do carro fúnebre que levará o caixão levando o corpo do ex-vice presidente José Alencar para o Aeroporto de Congonhas, na Zona Sul da capital. Alencar morreu na tarde desta terça-feira (29) no hospital, onde estava internado havia dois dias após complicações no abdômem devido ao câncer. Batedores da PM e soldados dp Exército já chegaram para a escolta.

Segundo a assessoria do hospital, o veículo com o caixão de Alencar deixará o Sírio pela saída lateral do prédio, que foi cercada durante a madrugada para evitar aglomeração de curiosos e da imprensa.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) informou que o trajeto do traslado do corpo do ex-vice-presidente seguirá pelas ruas Barata Ribeiro e Nicolau dos Santos, e avenidas Nove de Julho, Brasil, Pedro Álvares Cabral, 23 de maio, Rubem Berta e Washington Luiz.

Não há ainda informações sobre bloqueios.

saiba mais Veja histórico dos problemas de saúde Saiba como foi a repercussão da morte Reveja vídeos sobre ex-vice Relembre frases do ex-vice-presidente De Congonhas, o corpo seguirá em aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB) para a Base Aérea de Brasília.

O governador paulista, Geraldo Alckmin irá acompanhar o cortejo fúnebre até Congonhas. Ele chegou ao hospital pouco antes do horário previsto para a saída e lamentou a morte do ex-vice. “Vim trazer à família o sentimento de São Paulo e as nossas condolências por José de Alencar. Ele sempre falava que era uma mineiro que amava muito São Paulo, que ele era paulista de Muriaé. Vim trazer nossos sentimentos, nossas condolências na despedida desse brasileiro”, disse.

A família de Alencar, segundo a assessoria, não acompanhará o trajeto, pois irá direto para Brasília. Os familiares deixaram o hospital por volta das 22h desta terça, após receber a visita de Alckmin, do vice-governador paulista, Guilherme Afif Domingos, e do ex-governador José Serra.

Durante a madrugada, o corpo do ex-vice-presidente foi preparado para enfrentar a viagem e a exposição ao público durante o velório, que irá ocorrer nesta quarta em Brasília e na quinta-feira (31) em Belo Horizonte.

José Alencar, de 79 anos, morreu às 14h41 desta terça, em razão de câncer e falência múltipla de órgãos, segundo informou o Hospital Sírio-Libânes. O corpo será velado no Palácio do Planalto , em Brasília, aberto à visitação pública e com previsão de início às 10h30 de quarta-feira.

veja também