MENU

'Brasil animado' promove viagem pelo país misturando desenho e 3D

'Brasil animado' promove viagem pelo país misturando desenho e 3D

Atualizado: Quarta-feira, 24 Novembro de 2010 as 11:36

Cenários paradisíacos, uma fauna variada e exuberante e o velho jeitinho brasileiro deram ao país seu primeiro longa-metragem em 3D. "Brasil animado", que chega aos cinemas em 21 de janeiro (veja trailer ao lado), mistura imagens reais e animação numa espécie de road movie que acompanha dois picaretas – Stress e Relax – em sua busca pela árvore mais antiga do Brasil, o Grande Jequitibá Rosa.

"Stress vê ali a possibilidade de ganhar dinheiro cobrando ingressos, vendendo camisetas, canecas e chaveirinhos da árvore. Já o Relax só pensa em curtir. Segundo ele 'Tem que aproveitar, porque as maravilhas do Brasil são Pandora pura, bicho'", explica a diretora Mariana Caltabiano, ciente de que a simples junção das palavras "animação" e "3D", hoje, vão naturalmente puxar comparações com o épico de James Cameron.

"Acredito que `'Avatar' tenha sido um sucesso não só por causa da tecnologia mas também devido aos personagens e à história, que são muito bons. Em 'Brasil Animado 3D', o público não verá os efeitos incríveis do 'Avatar', mas pode ter certeza de que verá um filme muito divertido e imagens espetaculares do Brasil nunca vistas antes em 3-D", promete Caltabiano, que tem no currículo o longa animado "As aventuras de Gui & Stopa", transformado em série para o Cartoon Network - "Brasil animado" também já está vendido ao canal pago e à TV Globo.

Com orçamento de apenas R$ 3 milhões, valor baixo mesmo para animações em longa-metragem nacionais, a diretora conta que usou a criatividade – e o Brasil – a seu favor. "Para reproduzir em animação a grandiosidade de Foz do Iguaçu, Rio de Janeiro, Bahia, São Paulo, Pernambuco, Ceara, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Minas Gerais, eu precisaria de um orçamento do tamanho do 'Avatar'", brinca.

Além das belezas naturais do país, "Brasil animado" também aposta no carisma de alguns ídolos nacionais para atrair o público – crianças e adultos, defende Caltabiano. Estão lá em versões animadas em 3D a modelo Gisele Bündchen, o cineasta Fernando Meirelles e a ginasta Daiane dos Santos, que, segundo a diretora, fará "pela primeira vez o seu famoso 'duplo twist carpado' em 3D" nos cinemas.

Por: Diego Assis

veja também