MENU

Britney Spears é processada por assédio sexual

Britney Spears é processada por assédio sexual

Atualizado: Quinta-feira, 9 Setembro de 2010 as 10:09

Britney Spears está sendo processada por assédio sexual, segundo informou o site de notícias "TMZ", nesta quarta-feira (8).

De acordo com o site, Fernando Flores , ex guarda-costas da cantora, alega que Britney teria "avançado sexualmente nele repedidas e indesejadas vezes". Além disso, no documento do processo, Flores conta que Britney se expunha tanto para ele, quanto para seus dois filhos, Sean Preston , de 4 anos, e Jayden James , de 3, frutos do relacionamento da artista com Kevin Federline .

Conforme declarou o segurança, a cantora chegou, inclusive, a ter relações sexuais em frente aos dois meninos.

"Ela estava vestida com um vestido rendado branco e transparente. Caminhou até ficar próxima [de Flores] e intencionalmente derrubou o isqueiro do cigarro no chão. Ao abaixar para pegá-lo, acabou mostrando suas partes íntimas", diz o relatório policial. "O incidente chocou e enojou Flores."

Após o constrangimento, Britney intimou o segurança para ir até seu quarto, e lá, foi encontrada nua em cima da cama: "Flores perguntou para Britney se ela precisava de alguma coisa. Depois de um silêncio, a cantora pediu dois refrigenrantes". Ao retornar, Britney ainda afirmou para o segurança que sabia "que ele gostava" do que via.

Maus tratos

Segundo o relatório policial, Fernando Flores ainda denúncia Britney Spears por maus tratos com seus dois filhos, Sean Preston e Jayden James . "Uma vez, Britney arrancou o cinto de Flores e começou a espancar o filho mais velho [Preston] com o acessório."

No depoimento do segurança também consta que a cantora alimentou as crianças com carne de caranguejo, mesmo sabendo que os dois são alérgicos. Mesmo com os meninos vomitando e precisando de auxílio, a artista proibiu qualquer pessoa de ajudá-los, mandando de forma desrespeitosa cada um cuidar de suas próprias vidas.

Apesar do não constar no relatório policial, fontes do site "TMZ" dizem que Fernando Flores chegou a ir até o Departamento da Infância e da Família de Los Angeles, mas as reclamações foram dadas como insuficientes e sem provas.

fonte: Quem

Postado por: Juliana Melo

veja também