MENU

Cadela pintada de rosa encontrada no lixo recebe 100 pedidos de adoção

Cadela pintada de rosa encontrada no lixo recebe 100 pedidos de adoção

Atualizado: Segunda-feira, 9 Maio de 2011 as 11:43

Ganhar peso e saúde são as prioridades do momento para a cadela Rosinha, encontrada há cinco dias em meio ao lixo em um terreno do Bairro Anchieta, em Porto Alegre (RS). Abandonada e vandalizada, a filhote de cerca de 8 meses de idade tinha os pelos tingidos de rosa e estava desnutrida quando foi acolhida e "batizada" com o apelido pela vendedora Bárbara Levandovski Colombo, 40 anos, na terça-feira (3).

Desde então, a rotina de Rosinha se resume a visitas ao veterinário, alimentação especial e à companhia de outros cães cuidados por Bárbara: no total são 48 sob responsabilidade da vendedora. "Ela convive com eles mas ainda não fica solta o tempo todo, porque está debilitada. Fica mais dentro de casa com a Peludete, outra cachorra que é super mansa e agora é amiga dela". diz.

Tanto carinho tem dado resultado: Rosinha já ganhou 1,1 kg nesses cinco dias. Recebeu também uma tosa sob recomendação da veterinária, já que os pelos estavam caindo por causa da tinta.

"O certo para a idade dela é pesar 6kg, agora ela pesa 4kg", comemora a vendedora, que diz que a cadelinha comia lixo quando foi encontrada. A previsão é de que sejam necessários mais quatro banhos para que Rosinha fique livre de toda a tinta.

Na casa nova, a cadela ganhou também admiradores: segundo Bárbara, já são 100 os nomes de candidatos interessados em adotar a cadelinha.

Os critérios para a escolher a nova família de Rosinha, garante a cuidadora, serão rigorosos.

"Tem que ser pessoas que entendam que vão ganhar um novo membro da família pelos próximos 15 anos. E que tenham cuidado, paciência, ainda mais por se tratar de um animal que já tem um histórico de abandono", diz Bárbara, que conta que, além das marcas físicas, é possível reconhecer efeitos dos dias difíceis no comportamento de Rosinha.

"Ela é extremamente dócil, mas qualquer coisa tem medo. Se você grita com outro cachorro ela já pensa que é com ela e se esconde", diz.

Bárbara estima que serão necessários pelo menos 40 dias até que Rosinha possa ser adotada.

"Ela ainda não está pronta. Precisa ganhar mais peso, ficar forte, tirar toda a tinta dos pelos. Além disso, eu só entrego os cães para adoção depois que eles são castrados", diz.

veja também