MENU

Campanha de Serra espera empenho de aliados no segundo turno

Campanha de Serra espera empenho de aliados no segundo turno

Atualizado: Terça-feira, 5 Outubro de 2010 as 12:52

Oficializado o segundo turno para a eleição presidencial, a equipe de campanha do candidato José Serra espera contar com mais empenho de aliados, principalmente do também tucano Aécio Neves, eleito senador por Minas Gerais no domingo. Nos cálculos de um dos membros da equipe, que falou à Reuters sob a condição de anonimato, "pegaria mal" Aécio não se empenhar durante o segundo turno. Isso porque os dois principais objetivos do mineiro já foram alcançados: conseguiu eleger governador de Minais Gerais seu afilhado político Antonio Anastasia e conquistou uma vaga no Senado.

Em discursos, Serra tem demonstrado que espera empenho do ex-governador mineiro. Nesta segunda-feira (5), o presidenciável esteve em Belo Horizonte para prestar condolências ao mineiro pela morte de seu pai, o ex-deputado federal Aécio Cunha, e falou sobre a importância de seu apoio.

"Acredito que ele será uma das pessoas-chave, junto com o (Antonio) Anastasia aqui em Minas (Gerais) e no plano nacional para que a gente chegue num final muito feliz no segundo turno", disse Serra a jornalistas nesta segunda-feira. Durante o primeiro turno, Aécio Neves só exibiu imagem de José Serra em sua propaganda para o Senado no final de setembro. Em Minas, Serra teve apenas 30,76% dos votos válidos, enquanto Dilma Rousseff (PT) somou 46,98%.

Além de Aécio, tucanos esperam que os candidatos já eleitos se esforcem na campanha pelo presidenciável. Nesse caso, ganha ainda mais importância a participação do governador eleito de São Paulo, Geraldo Alckmin.

Apoio do PV

O PSDB espera contar com o PV de Marina Silva para o segundo turno. Com quase 20 milhões de voto obtidos no primeiro turno pela candidata verde, seu apoio é um dos fatores centrais nessa nova rodada. Tucanos apostam na boa relação entre os dois partidos para a aproximação. Serra disse nesta segunda que "elementos de aproximação (com o PV) existem e eu espero sinceramente que ela aconteça".

"Ontem (domingo), a todo o Brasil, eu fiz minha apreciação a respeito da candidatura da Marina. Ela contribuiu para que nós tivéssemos o segundo turno, contribuiu, portanto, bastante para a democracia. E não só isso, ela também incorporou à política o voto, a participação de uma fatia muito grande da nossa juventude. Merece respeito e admiração da minha parte", falou.

Ele lembrou da presença do verde Eduardo Jorge no secretariado da prefeitura de São Paulo. "O grande secretário do Meio Ambiente, o Eduardo Jorge, foi levado por mim à prefeitura e continuou na gestão do (Gilberto) Kassab, sem falar nas relações de amizade e proximidade com vários outros integrantes do PV. E eu espero realmente uma aproximação", completou Serra.

Postado por: Guilherme Pilão 

veja também