MENU

Carreta tomba em mais um acidente provocado pela pista molhada na BR 262

Carreta tomba em mais um acidente provocado pela pista molhada na BR 262

Atualizado: Quarta-feira, 11 Agosto de 2010 as 4:08

Pista asfáltica da Rodovia BR-262, recentemente reconstruída, excessivamente lisa e perigosa sob tempo chuvoso, provocou mais um acidente no quilômetro 42. Neste trecho, em menos de seis meses, após o recapeamento, já tombaram um ônibus, dois carros de passeio, uma van, três carretas e cinco caminhões. O acidente desta quarta-feira (11) aconteceu por volta das 12h20 na curva que antecede o trevo do Sítio Manaaim, no sentido MG/ES, na Serra do Caracol, divisa de Marechal Floriano com Domingos Martins. A Mercedes Benz baú MTB 3910, Vila Velha, que trafegava da Região Serrana para Vitória ficou desgovernada após uma derrapagem e caiu num matagal à margem da pista. 

O motorista Pedro Martins Costa Coimbra, 52 anos, habilitado há mais de três décadas, saiu ileso, e o mesmo aconteceu com o auxiliar de cargas Djair dos Santos, 36. Eles seguiam para a capital após realizar as entregas de biscoitos em estabelecimentos comerciais das montanhas capixabas desde o início da semana. O veículo vazio derrapou e deu meia capotagem num matagal às margens da pista. O motorista afirmou que trafega pelo local há muitos anos e conhece a pista. "Estava a menos de 70 quilômetros por hora e quando pensei em reduzir mais a velocidade, a direção do caminhão não obedeceu e fomos parar fora da pista", disse. Um mecânico e motorista de um guincho, que filmava o veículo tombado, quase foram surpreendidos por outro caminhão que também derrapou na mesma curva. "Tiramos vários veículos de portes diferentes deste matagal. Sorte que não ocorreram mortes. O trecho está muito perigoso", disse.

Distante um quilômetro de onde ocorreu o acidente o comerciante Nenê Kuster,  instalou uma placa ao lado do seu estabelecimento solicitando muita atenção dos condutores, já que a pista se encontra lisa e que reduzam sempre a velocidade. "O nosso objetivo foi alertar as pessoas que conduzem os veículos. Sorte que não houve mortes", disse Kuster.

  Postado por: Thatiane de Souza

veja também