MENU

Cartilha feita por Ziraldo apresenta direitos humanos para público infanto-juvenil

Cartilha feita por Ziraldo apresenta direitos humanos para público infanto-juvenil

Atualizado: Quarta-feira, 10 Dezembro de 2008 as 12

Cartilha feita por Ziraldo apresenta direitos humanos para público infanto-juvenil

O Ministério da Educação e a Secretaria Especial de Direitos Humanos (SEDH) lançaram  ontem, 9 de dezembro, em Brasília, a cartilha Direitos Humanos, feita pelo cartunista Ziraldo. O evento, acompanhando por dezenas de estudantes de escolas públicas do Distrito Federal, faz parte das comemorações pelos 60 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, celebrados hoje, 10 de dezembro.

"É o poder da criança crescer e ser feliz", assim o estudante Sanderson Rodrigues da Silva, de 9 anos, definiu a importância dos direitos humanos. "Direitos humanos é a criança não ter que trabalhar e ter onde morar", disse a também estudante Letícia Araújo Souza, de 10 anos.

A cartilha terá tiragem inicial de 40 mil exemplares e será voltada para o público infanto-juvenil. A idéia é utilizar o personagem Menino Maluquinho para mostrar aos jovens os 30 artigos da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

O ministro Paulo Vannuchi afirmou que a idéia é levar a cartilha a todas as escolas do País como forma de ampliar o acesso a informações básicas de cidadania.

Para Ziraldo, apenas a educação fará com que o Brasil consiga superar o analfabetismo e tenha uma população consciente de seus direitos. "Não podemos mais deixar crianças sem ler. A forma mais importante de direito das crianças é saber ler e escrever", disse o cartunista.

Postado por: Claudia Moraes

veja também