MENU

Casal protagonista revela o que rola nos bastidores de "True Blood"

Casal protagonista revela o que rola nos bastidores de "True Blood"

Atualizado: Sexta-feira, 23 Julho de 2010 as 12:02

Eis o que podemos esperar da terceira temporada de "True Blood" (HBO): a situação política entre os vampiros vai se tornar cada vez mais complicada; o triângulo Sookie (Anna Paquin)/ Bill (Stephen Moyer) / Eric (Alex Skarsgard) vai se transformar em outras figuras geométricas; saberemos mais sobre o passado de todas as criaturas extraordinárias de Bon Temps e adjacências --inclusive seus novos habitantes como lobisomens e alguns outros--; e finalmente saberemos o que Sookie Stackhouse realmente é.

“É uma grande revelação”, diz Anna Paquin, sorrindo com grande prazer. “Eu sei porque li todos os livros de Charlaine Harris, como preparação. O que torna meu trabalho como atriz menos fácil. Tenho que criar Sookie como se não soubesse de nada, procurando a verdade nela em cada momento, e não no modo como eu a vejo lá adiante.”

“Todo mundo está a fim de Sookie”, diz Stephen Moyer, que na vida real é o noivo de Paquin. “E não estou falando apenas da tensão entre Bill e Eric, que já estava estabelecida na temporada passada. Muita gente está cobiçando as mãozinhas poderosas dessa garota.”

“Eric está intrigado e fascinado por Sookie, e isso o perturba muito”, completa Skarsgard. “Nesta temporada vamos explorar muito mais o lado humano de Eric, e sua atração por Sookie faz parte desse elemento de humanidade que ele achava que tinha esquecido e que é uma parte muito importante do arco do personagem nesta temporada.”

Parte dessa “humanidade” são as memórias de sua vida entre os vikings e o relacionamento com seu pai, um rei das tribos do norte. “É um aspecto que me toca bastante. Meu pai é e sempre foi um grande amigo meu, acima de tudo.” O pai de Alex é o celebrado ator sueco Stellan Skarsgard e, nas palavras do filho, “uma presença constante” em sua vida. “Rimos muito das situações absurdas que meu personagem tem que passar na série. Como estar num uniforme nazista combatendo lobisomens.”

A outra correlação entre a realidade e a fantasia da série é o relacionamento entre Paquin e Moyer, que se tornaram um casal durante a série. Os dois têm um pacto: quando um está filmando uma cena sensual com outro ator (como a recente cena de sexo-com-torcicolo ente Moyer e Mariana Klaveno), quem não está na cena desaparece do set. “O acordo é que não podemos olhar nem para os monitores”, diz Paquin. “É muito difícil. Sempre vai haver aquele momento, aquela dúvida no fundo da cabeça, isso está acontecendo entre os personagens ou as pessoas? Para respeitar essa divisão nós criamos essa regra.”

Recentemente Paquin participou de uma campanha de prevenção de Aids na qual assumia publicamente sua bissexualidade. Segundo Paquin, coragem para participar da campanha veio, em parte, dos seus três anos como moradora de Bon Temps. “Sou uma pessoa muito mais forte agora, muito mais segura de mim mesma. Foi uma longa caminhada, junto com Sookie Stackhouse.”

CURIOSIDADES SOBRE "TRUE BLOOD":

Anna Paquin tem cabelo castanho e Stephen Moyer é louro, mas é claro que Sookie é loura e Bill tem cabelos pretos. “A transformação física nos ajuda muito a passar da nossa vida para o mundo de Bon Temps”, diz Moyer. “Quando meu cabelo se torna preto e eu deixo crescer as suíças, o sotaque do sul vem quase naturalmente.” “Eu me divirto sendo loura”, Paquin admite. “De fato recebo mais olhares quando sou loura. Acho que criaturas louras atraem naturalmente, é como se fossem objetos brilhantes. Além do mais, a lourice de Sookie é parte do quanto ela é distante de mim –parte de seu estilo de vida como uma garçonete que anda sempre de shortinho e usa cores berrantes.”

  Embora não tenham que usar lentes de contato nem pó reluzente como seus colegas da saga "Crepúsculo", os atores que fazem papéis vampirescos em "True Blood" têm ordens estritas para evitar o sol e manter a palidez. “Todo mundo mais ou menos segue, menos Alex”, diz Moyer. “Ele é louco por sol e está sempre com o nariz vermelho. Sempre demora mais na maquiagem, porque precisa de mais cobertura.”

  Uma boa parte das externas da série é filmada em várias locações na Louisiana, sul dos Estados Unidos (e um dos Estados com mais generosos incentivos fiscais para produção de TV e cinema). Mas a maioria dos interiores é rodada num pequeno estúdio de Hollywood, e o bar Merlotte’s faz parte do histórico “jungle set” do virtual backlot da Warner, no subúrbio de Burbank.

  Três tipos de diferentes de “sangue” são usados na série: uma mistura de vários produtos cosméticos para o sangue aplicado no rosto ou corpo, uma mistura à base de glicose para as cenas de mordidas e todas as que podem envolver a boca, e uma beberagem preparada especialmente para a série, à base de framboesas, amoras frescas e laranja vermelha, para todas as cenas em que há ingestão– inclusive quando os atores bebem “true blood”. “É gostoso e saudável", diz Moyer. “Mas enjoa depois de algum tempo”, Skarsgard rebate.

  Todos os atores consideram o set de "True Blood" “o mais tranquilo e relax que existe”, nas palavras de Paquin. “Ninguém se impressiona mais com nudez e cenas de sexo”, ela completa. “Isso torna tudo muito mais fácil para nós. Tirar a roupa no set não é o menor problema.”

  O elenco de "True Blood" é “uma família, mesmo”, diz Skarsgard. “Somos todos amigos, e não apenas durante os sete meses da produção. Levei Anna e Stephen para a Suécia, para conhecer minha família. E todos nós estamos sempre visitando uns as casas dos outros, dando apoio, acompanhando as vidas fora do set.”

veja também