MENU

Caso de sarampo em Campinas faz SP promover campanha de vacinação

Caso de sarampo em Campinas faz SP promover campanha de vacinação

Atualizado: Terça-feira, 15 Março de 2011 as 8:53

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo inicia nesta terça-feira (15) uma campanha de vacinação contra o sarampo. Na semana passada, a cidade de Campinas, a 93 km da capital paulista, voltou a registrar um caso da doença após 12 anos. O último caso de sarampo no estado havia sido registrado em 2005.

De acordo com Helena Sato, diretora de imunização da secretaria, a vacina é recomendada para pessoas que irão viajar para outros estados ou para o exterior, profissionais do setor de turismo, motoristas de táxi, profissionais do setor de saúde e de educação.

“Esta é uma ação que estamos chamando de intensificação, para acertar o esquema de vacinação para quem não tomou a vacina. Não há necessidade de repetir a dose”, explicou.

Helena. As doses estão disponíveis em qualquer posto de saúde, das 8h às 17h, com a carteira de vacinação. “Nós temos casos de sarampo em vários países do mundo. Não podemos baixar a guarda.” Uma única dose da vacina vale para a vida inteira e deve ser tomada por crianças a partir de um ano. A doença é altamente transmissível, e seus sintomas são vermelhidão, febre, tosse, conjuntivite e aversão à luz.

Os sinais são parecidos com a dengue, o que determinou uma outra ação da vigilância epidemiológica. “Aqueles resultados negativos para dengue a gente vai retestar para sarampo, assim como os resultados negativos para rubéola”, explicou Brigina Kemp, coordenadora da vigilância epidemiológica.

Campinas

O caso registrado em Campinas é de um homem de 41 anos que passou a sentir os sintomas após uma viagem a Orlando, nos Estados Unidos, em janeiro. Ele foi medicado, ficou internado alguns dias, e está curado. Todos que estavam no mesmo voo e no ônibus que fez o translado do aeroporto para Campinas foram vacinados.      

veja também