MENU

CET inicia projeto para ampliar calçadas de SP

CET inicia projeto para ampliar calçadas de SP

Atualizado: Sexta-feira, 26 Agosto de 2011 as 10:54

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) começou a testar uma solução barata e rápida para estender a área das calçadas: pintar o asfalto com tinta azul. O objetivo é diminuir a distância da travessia dos pedestres em curvas e cruzamentos movimentados de São Paulo. Um projeto-piloto foi feito nesta semana na esquina da Rua Capitão Salomão, na frente do Largo do Paiçandu, no Centro.

"Isso é um avanço que traz mais proteção ao pedestre e diminui pela metade o risco da travessia e o conflito do carro e o pedestre. A ideia é diminuir o atropelamento e gerar mais segurança na travessia do pedestre", comentou Irineu Gnecco Filho, diretor de planejamento da CET. Segundo ele, os motoristas que desrespeitarem a nova área serão multados. A infração é considerada     Delimitada por uma faixa branca e 17 balizadores cilíndricos de plástico, a área azul começa na sarjeta e termina no meio da rua, adicionando cerca de 50 metros quadrados de espaço exclusivo para quem está a pé. Essa calçada improvisada permite a travessia em menos tempo em um ponto da via sem semáforos. A ideia foi trazida de Nova York.

Após duas semanas de pesquisas, que incluem entrevistas com os pedestres e avaliação do respeito dos motoristas à novidade, técnicos da CET decidirão se vão implantar o a área azul em outros pontos da cidade. "Os agentes [da CET] vão fazer o monitoramento [no local], até porque é um projeto piloto e nós vamos avaliar o desempenho dessa novo sinalização", disse Irineu Gnecco Filho.

As próximas esquinas que devem recebê-lo são a da Rua Boa Vista com a Ladeira Porto Geral, a da Rua Quirino de Andrade com o Largo da Memória, ambas no Centro, e a das Ruas Pedroso de Moraes e Morás, em Pinheiros, na Zona Oeste. Vias ao lado da Praça da Sé também podem ganhar a novidade.          

veja também