MENU

CET registra 76 semáforos com problemas no início da madrugada

CET registra 76 semáforos com problemas no início da madrugada

Atualizado: Terça-feira, 1 Março de 2011 as 8:08

A chuva que atingiu a cidade de São Paulo nesta segunda-feira (28) ainda produzia reflexos na madruga desta terça (1º). Pouco depois das 2 horas, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) registrava 76 semáforos com problemas: 43 apagados e 33 no amarelo piscante.

O Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura de São Paulo, retirou do estado de alerta, às 22h25 desta segunda, todas as regiões da cidade que estavam sob o monitoramento. Nesse horário, a chuva que deixou pelo segundo dia consecutivo a cidade debaixo d’água já havia perdido força. Toda a cidade também foi retirada do estado de atenção às 22h55.

O Rio Tietê transbordou, prejudicando o trânsito na área e causando muitos alagamentos. No bairro Vila Guilherme, um deslizamento de terra provocou o desabamento de imóveis. Segundo a Defesa Civil, não houve vítimas.

O CGE informou que retirou do estado de alerta (mantido das 17h55 às 22h25) as seguintes regiões da capital: subprefeitura da Mooca; subprefeitura de Vila Maria / Vila Guilherme; subprefeitura de Santana; subprefeitura de Casa Verde; subprefeitura de Freguesia do Ó; subprefeitura da Lapa e Marginal Tietê. A subprefeitura da Sé, no Centro, deixou a situação de alerta às 21h.

De acordo com a assessoria de imprensa da Defesa Civil, até as 22h pelo menos 12 imóveis tinham sido interditados na Vila Guilherme, inclusive alguns que não foram atingidos. Agentes ainda faziam vistorias no local, o que pode fazer o número subir.

O deslizamento afetou três ruas: a Belchior de Ordas, a Ernani Pinto e a Nadir de Figueiredo. “Houve um escorregamento do terreno e alguns imóveis foram atingidos, inclusive uma igreja. Mas não houve vítimas, só danos materiais”, diz o coronel Lima. Ele não sabe informar quantas famílias foram prejudicadas.    

veja também