Chef de cozinha morto em SP deve ser enterrado nesta terça-feira

Chef de cozinha morto em SP deve ser enterrado nesta terça-feira

Atualizado: Terça-feira, 12 Julho de 2011 as 8:22

O corpo do chef de cozinha suíço Nicolas Friedrich Hans Dornaus, morto na noite deste domingo, em Interlagos, na Zona Sul de São Paulo, deverá ser enterrado nesta terça-feira (12), no Cemitério de Congonhas, também na Zona Sul. Nicolas, de 40 anos, que trabalhava no Hotel Hyatt, foi atingido por um disparo nas costas enquanto trafegava de moto.

Nesta segunda-feira (11), o delegado Paulo Arbues, titular do 102º DP, informou que o caso já foi encaminhado para o Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP). Uma das linhas de investigação da polícia é o latrocínio já que o chef estava em sua moto modelo Yamaha Fazer quando foi atingido.     “Essa moto é muito visada. Porém, nada foi levado. Via de regra, quando se trata de uma execução, a morte tem outras características, como tiro na cabeça, além de vários disparos. É possível que ele tenha recebido voz de assalto e tenha tentado fugir. As outras hipóteses são remotas”, afirmou Paulo Arbues.

Segundo na hierarquia

No início da tarde, o Grand Hyatt divulgou uma nota lamentando o assassinato do seu funcionário. De acordo com o hotel, Nicolas era solteiro e morava no Brasil desde 1975. No domingo, ele estava de folga.

Ele trabalhou no hotel em duas épocas: a primeira de novembro de 2007 a fevereiro de 2009. Desde julho de 2010, ele trabalhava na cozinha de banquetes da área de eventos. Ele desempenhava a função de chef de partie, que é o segundo na hierarquia, após o chef principal.          

veja também