MENU

Chega a dez o número de imóveis atingidos por desabamento em SP

Chega a dez o número de imóveis atingidos por desabamento em SP

Atualizado: Terça-feira, 1 Março de 2011 as 4:25

A Defesa Civil informou no começo da tarde desta terça-feira (1º) que chegou a dez o número de casas atingidas por um deslizamento de terra na Vila Guilherme, na Zona Norte de São Paulo. Quatro residências foram parcialmente atingidas na Rua Belchior de Ordas. Já na Travessa João Rangel, outras duas casas desmoronaram completamente atingindo parcialmente quatro imóveis, entre eles uma igreja. Ninguém ficou ferido.

“Quatro imóveis, que já estavam interditados, sofreram desabamento parcial. Mais dois desceram o morro e outros quatro foram parcialmente afetados”, disse o coronel Jair Paca, chefe da Defesa Civil do Município. Ao todo, 16 imóveis foram interditados na região, alguns deles não atingidos diretamente pelo deslizamento.   As residências que desabaram na Rua Belchior de Ordas estavam interditadas havia dois anos pela Subprefeitura da Vila Guilherme/Vila Maria. A medida foi tomada porque a construção de um edifício em um terreno ao lado prejudicou as suas estruturas. De acordo com o subprefeito da Vila Maria e da Vila Guilherme, Antônio de Pádua Perosa, a autorização para a realização desta obra foi negada e, desde então, a obra está embargada.

O coronel Jair Paca afirmou que o excesso de chuva contribuiu para o escorregamento do terreno. “Fatores como excesso de chuvas e declividade do terreno contribuíram para o desabamento”, afirmou. Nesta segunda-feira, a Zona Norte da capital foi a mais atingida pelas chuvas. O Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) registrou 74,6 mm de precipitação na Zona Norte da capital.

Apesar da interdição, na manhã desta terça, alguns moradores da Rua Belchior Ordas continuavam em casa. Nesta manhã, técnicos da Defesa Civil continuavam no local avaliando a situação das residências. A subprefeitura não descarta que outras ainda possam ser interditadas.    

veja também