Ciro diz que jamais desistirá de candidatura, mas respeita decisão do PSB

Ciro diz que jamais desistirá de candidatura, mas respeita decisão do PSB

Atualizado: Sexta-feira, 23 Abril de 2010 as 12

Em nota, o deputado Ciro Gomes (PSB-CE) diz que nunca desistirá de disputar a Presidência. O comunicado saiu logo depois de Ciro se reunir hoje em Brasília com integrantes do PSB. Ao fim do encontro, integrantes do partido sinalizaram que caminham para convencer Ciro a retirar a pré-candidatura. A cúpula do PSB se reúne na terça-feira para discutir o futuro político de Ciro.

"Ciro afirma que continua candidato, que considera sua postulação importante para o PSB e para o País e que jamais desistirá de concorrer à Presidência. Se o seu partido decidir por não apresentar candidatura própria que assuma o ônus da decisão, a qual ele aceitará e respeitará como filiado", diz nota divulgada por sua assessoria.

Em reunião ontem, a cúpula do PSB informou a Ciro que o partido está isolado politicamente e que isso dificultará sua candidatura ao Palácio do Planalto. Por isso, no encontro marcado para a próxima terça-feira, a tendência é que a legenda anuncie que vai apoiar Dilma Rousseff (PT) na corrida para a Presidência.

Segundo participantes da reunião de hoje, Ciro vai seguir a orientação partidária. A tendência é que ele se afaste da Câmara para coordenar a estratégia de campanha nos Estados.

O vice-presidente do PSB, Roberto Amaral, disse que a prioridade hoje é a de eleger uma bancada parlamentar maior e dar apoio aos candidatos ao governo. Durante o encontro, Ciro viu uma exposição sobre o cenário em todos os Estados, do cenário nacional e das pesquisas de intenções de votos.

"Hoje o partido tem condições de ter candidato próprio e de não ter. A questão é que vamos avaliar todos os fatores e chegar a uma decisão consensual. Não tem nenhuma chance de adiarmos nada, a decisão sai na terça-feira", disse Amaral.

veja também