MENU

Com tela gigante, primeiro cinema IMAX chega ao Rio

Com tela gigante, primeiro cinema IMAX chega ao Rio

Atualizado: Quarta-feira, 27 Julho de 2011 as 2:43

Depois de São Paulo e Curitiba, chega a vez do Rio de Janeiro ganhar sua primeira sala de cinema IMAX, aberta esta semana no UCI New York City Center, na Barra da Tijuca. Com uma tela côncava de cerca de 300 m², cinco vezes maior que a tradicional, o sistema promete fazer com que o público se sinta “dentro” do filme.

Até o fim de 2011, o IMAX deve chegar também a Porto Alegre, no Bourbon Shopping Wallig, em construção. E o estado de São Paulo deve ganhar novas salas desse tipo em 2012, em Cotia.

O formato traz uma tela que vai do chão ao teto e de parede a parede, com 21 metros de largura e 14 metros de altura, o correspondente a um prédio de cinco andares. A sala inaugurada no Rio segue o padrão do grupo canadense, com dimensões semelhantes às de São Paulo e Curitiba. Para se ter ideia, uma tela de cinema tradicional costuma medir 12 metros de largura e 5 metros de altura. "Essa sala dá uma sensação de que você está imerso, faz parte do filme", explica a diretora de Marketing do UCI, Monica Portela.

Mas não é só o tamanho da tela que pode envolver os espectadores, que também devem sentir diferença na qualidade da imagem – com resolução de 4K, duas vezes maior do que a projeção digital comum – e na potência do som, de 18 mil watts, cerca de 30% mais alta que das projeções regulares.

Programação

Em funcionamento desde a última sexta-feira (22), a nova sala IMAX já atraiu mais de 3 mil espectadores, que toparam pagar R$ 34 para experimentar a novidade. “Harry Potter e as relíquias da morte – Parte 2”, em versão 3D, foi o filme escolhido pela rede para abrir a programação.

O último longa-metragem da saga do bruxinho deve ficar em cartaz na sala IMAX até 12 de agosto, quando a ficção científica “Super 8”, de J.J. Abrams, toma seu lugar na tela gigante. Segundo a assessoria da rede, os filmes seguintes a serem exibidos com tecnologia IMAX são “Cowboys e alienígenas”, “Happy Feet 2” e “Missão impossível: protocolo fantasma”.          

veja também