MENU

Começa cadastro de aluguel social para vítimas das chuvas na serra

Começa cadastro de aluguel social para vítimas das chuvas na serra

Atualizado: Sexta-feira, 21 Janeiro de 2011 as 9:12

As famílias desabrigadas pelas chuvas que atingiram a Região Serrana do Rio poderão fazer o cadastro do aluguel social a partir desta sexta-feira (21). Em Teresópolis, inicialmente, apenas as pessoas que estão em um dos 31 abrigos serão cadastradas pelos assistentes sociais. Já em Nova Friburgo, os desabrigados poderão se cadastrar, das 8h30 às 18h, na Secretaria de Assistência Social do município, na Rua Augusto Spinelli, número 160, no Centro. Em Itaipava, distrito de Petrópolis, o cadastro será no Ciep, que fica na Estrada União e Indústria número 11.860, das 9h às17h.

De acordo com nota divulgada na quinta-feira (20) pelo governo do estado, sete mil famílias receberão o aluguel social nos primeiros dias de fevereiro.

Durante reunião de trabalho na prefeitura de Teresópolis, o governador do Rio, Sérgio Cabral, assinou, em parceria com os outros municípios atingidos pela tragédia na Região Serrana, o convênio que garantirá às vítimas auxílio-moradia durante 12 meses.

Segundo o governo, R$ 40,8 milhões serão destinados para custear o benefício. Na terça-feira (18), Cabral anunciara que seriam repassados R$ 30 milhões da União para o aluguel social.

Na reunião, Cabral disse ainda que o nome do projeto de reconstrução da Região Serrana será Dona Ilair, em homenagem à senhora que foi resgatada por vizinhos , com a ajuda de cordas, durante a enxurrada que levou sua casa em São José do Vale do Rio Preto.     Seis mil famílias de Teresópolis, Petrópolis e Nova Friburgo, os três maiores municípios, receberão o benefício de R$ 500. Nas outras cidades, mil desabrigados ganharão o auxílio-moradia no valor de R$ 400.

O número de vítimas na Região Serrana do Rio já passa de 760 em seis cidades.

Na tarde de quinta-feira (20), um helicóptero militar que trabalhava no resgate das vítimas da chuva na Região Serrana sofreu uma queda em Nova Friburgo.

Segundo o CML, a queda ocorreu devido a um forte vento quando o helicóptero estava pousando, no bairro Campo do Coelho. O Exército informou que peritos irão investigar maiores causas do acidente aéreo.

Ainda de acordo com o Exército, cinco pessoas que estavam a bordo ficaram feridas. Todas tiveram ferimentos leves e foram levadas para um hospital da região.    

veja também