MENU

Conflito entre polícias de SC provoca exoneração de comandante da PM

Conflito entre polícias de SC provoca exoneração de comandante da PM

Atualizado: Quinta-feira, 18 Agosto de 2011 as 9:38

Um conflito entre as polícias civil e militar em Santa Catarina provocou a exoneração do tenente-coronel Rogério Luiz Kumlehn, oficial comandante do 14º Batalhão de Polícia Militar, do município de Jaraguá do Sul, norte do estado. A exoneração foi publicada nesta terça-feira (16).

Gravações em que o comandante aparece fazendo duras críticas à atuação de delegados da região foram entregues anonimamente esta semana ao Judiciário.

Em um dos vídeos, que teria sido gravado durante um um curso de formação de soldados, o comandante afirma que não teria que cumprir um prazo determinado por um delegado. "Não tenho obrigação de responder. Quer? Vai investigar", diz.

Após a manifestação, o secretário de Segurança Pública César Augusto Grubba assinou a exoneração do comandante, como medida cautelar. Também foi determinada a abertura de um inquérito policial militar, que deve correr na Corregedoria Geral da PM, para a apuração disciplinar do caso.

Para a Associação dos Delegados de Polícia de SC (Adepol), policiais militares vêm atuando irregularmente realizando serviços de atribuição exclusiva da Polícia Civil, como pedidos de buscas ao Judiciário, exames periciais e laudos, entre outros. A associação deve encaminhar um documento com as denúncias à Corregedoria de Justiça do estado pedindo apuração. Em nota, a Secretaria de Segurança Pública e o comando da PM informaram considerar o fato isolado e negam que haja conflito entre as polícias.          

veja também