MENU

Corpo do jornalista Rogério Marinho é cremado no Rio

Corpo do jornalista Rogério Marinho é cremado no Rio

Atualizado: Quinta-feira, 28 Julho de 2011 as 5:05

O corpo do jornalista Rogério Marinho foi cremado

na tarde desta quinta (28) no Caju, Zona Portuária

do Rio (Foto: Henrique Porto/G1)

  O corpo do jornalista Rogério Marinho foi cremado na tarde desta quinta-feira (28) no Rio. A cerimônia reuniu familiares e amigos do jornalista no Crematório da Santa Casa da Misericórdia do Rio de Janeiro, no Caju, Zona Portuária da cidade. Rogério Marinho morreu aos 92 anos , na manhã de segunda-feira (25), de insuficiência respiratória aguda.

"As cinzas do meu pai serão levadas para um sítio em Corrêas, na Região Serrana do Rio. Era um lugar que ele adorava e mantinha o seu santuário ecológico , era a paixão da vida dele. Vamos depositar as cinzas dele debaixo de uma árvore que vamos plantar no fim de semana", contou a filha do jornalista, Ana Luisa Marinho.   "São três coisas que a gente lembra quando fala do tio Rogério. A primeira era a dedicação dele ao outro, a segunda era sua atuação como jornalista, e a terceira era o pioneirismo", afirmou o vice-presidente das Organizações Globo, João Roberto Marinho, sobrinho de Rogério.

"Além disso, ele sempre teve uma postura voltada à natureza muito antes do mundo ter essa preocupação. Ele sempre foi uma pessoa à frente do seu tempo. Deixa muita saudade pra gente", completou.

Irmão caçula de Roberto Marinho, o carioca Rogério Pisani Marinho começou a trabalhar em O Globo aos 18 anos e atualmente era vice-presidente da Infoglobo. Foi casado com Elizabeth Pessoa Cavalcanti de Albuquerque por mais de 60 anos e deixa filha e netos.        

veja também