MENU

Corpo encontrado no mar do Rio é de pescador sumido, dizem bombeiros

Corpo encontrado no mar do Rio é de pescador sumido, dizem bombeiros

Atualizado: Segunda-feira, 9 Maio de 2011 as 2:09

O corpo encontrado pelos bombeiros próximo às Ilhas Cagarras, na Zona Sul do Rio, na manhã desta segunda-feira (9), é do pescador que desapareceu na Praia da Joatinga, na Zona Oeste, durante a ressaca de domingo (8). A informação foi confirmada pelos bombeiros.     O corpo de Marco Antônio Flangim Mascado, de 50 anos, será levado para o Instituto Médico Legal (IML).

Segundo o Corpo de Bombeiros, a mulher e um primo da vítima fizeram o reconhecimento do corpo, no Grupamento Marítimo (G-Mar) da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio.

Ondas de quatro metros

O domingo foi de sol, mas poucos banhistas se arriscaram a entrar no mar. As ondas chegaram a até quatro metros de altura em algumas praias. Com a correnteza forte, a água alcançou o mirante do Leblon e uma parte do local teve que ser isolada. Os bombeiros sobrevoaram a orla durante toda a manhã e fizeram 39 salvamentos do Leme, na Zona Sul, à Sepetiba, na Zona Oeste da cidade.

Mulheres mortas

Duas mulheres foram resgatadas mortas, tambpem na Praia da Joatinga. De acordo com os bombeiros, elas foram identificadas como Marina Prates Lourenço, de 33 anos, e Mary Laine Ferraz Barbosa, de 36 anos. Segundo a 16ª DP (Barra da Tijuca), onde o caso foi registrado, Marina era natural de Minas Gerais. Já Mary Laine nasceu em São Paulo, mas residia em Vila Isabel, na Zona Norte do Rio. 

As duas vítimas já estavam mortas quando foram retiradas no mar (Foto: Rômulo Moreira / VC no G1)    

veja também