MENU

Cris Poli conta que já levou tabefe de crianças e arremesso de objetos

Cris Poli conta que já levou tabefe de crianças e arremesso de objetos

Atualizado: Quarta-feira, 5 Maio de 2010 as 10:24

As crianças fazem birra, começam a chorar e os pais não têm dúvidas: chamam a Supernanny. Quatro anos no ar no comando do reality show, a apresentadora da atração do SBT, Cris Poli, já atendeu mais de 90 famílias em todo o país e se deparou com as mais diferentes situações. São histórias de relações, no geral, desestruturadas emocionalmente, em que os parentes já perderam o respeito até entre si.

A tarefa da educadora não é das mais fáceis. Mas, para ajudar as famílias, Cris criou um método praticamente infalível: "livrar os pais de todas as mágoas e frustrações".

Segundo a educadora, ela faz os pais pensarem o que pode acontecer com seus filhos no futuro. Em conversa com o R7, Cris afirma que é mais difícil educar os pais dos que as crianças e que não existe uma "fórmula mágica" na educação.

- Assim que os pais entendem a necessidade da mudança deles, as crianças mudam tranquilamente. Não existe fórmula mágica e sim dedicação, aprendizado, perseverança, paciência e muito amor.

Apesar de as famílias buscarem ajuda no programa, muitos parentes resistem aos palpites da Supernanny. Mas Cris conta que nunca foi maltratada durante as gravações.

- Algumas crianças falaram que não me queriam na casa deles, que queriam que eu fosse embora. Já me bateram e jogaram objetos em mim. Mas isso aconteceu poucas vezes. Geralmente, a partir do começo da minha visita eles já começam a mudar.

Quem vê a apresentadora sisuda e objetiva na TV não imagina como é o comportamento dela por trás das câmeras. Cris conta que tem um relacionamento tranquilo e amoroso com os participantes. Ela também afirma que as famílias levam adiante seus ensinamentos após o episódio.

- Acredito na continuidade de um processo de recuperação, que tem início durante o programa. As mesmas famílias avaliam que 80% das mudanças permanecem após as gravações.

Fora das câmeras

O trabalho de Cris Poli não se restringe às famílias que vão ao ar no Supernanny. Nas ruas, a apresentadora é abordada pelas pessoas que querem dicas para solucionar seus problemas com os filhos em seus lares.

- O engraçado é que elas querem que resolva seus problemas ou sugira uma rotina para as casas delas. Imaginem o tamanho do desespero!

Educadora há mais de quarenta anos, Cris nunca contou com babá para ajudar a criar seus três filhos. Hoje em dia, com três netos, ela conta que suas noras sabem que podem contar com sua ajuda para educar os pequenos, mas sabe dar a eles o

espaço necessário.

- Eles me consultam sem problema, mas os filhos são deles e a responsabilidade da educação dos pequenos é deles também.

Cris Poli tem 64 anos e nasceu na Argentina. Nos anos 70, ela veio viver no Brasil e, com experiência na área da educação, já lançou quatro livros.

Por Vanessa Sulina

veja também