MENU

Cuidados ao soltar fogos em jogos da Copa e festas juninas

Cuidados ao soltar fogos em jogos da Copa e festas juninas

Atualizado: Sexta-feira, 25 Junho de 2010 as 9:39

A Comissão de Segurança em Edificações e Imóveis (Cosedi) da Prefeitura de Curitiba alerta para os cuidados necessários na hora de soltar fogos de artifício. Os fogos dão graça às festas junina e à comemoração dos jogos da Copa do Mundo, mas a manipulação inadequada pode causar incêndios, queimaduras na pele e lesões nos dedos, mãos e rosto.

Na compra do produto, é preciso observar alguns fatores. A venda de fogos de comemoração para menores de idade é proibida por lei. O comerciante também colabora com a segurança da população ao não vender artefatos de pólvora para pessoas alcoolizadas.

O coordenador da Cosedi, Hermes Peyerl, afirma que é necessário observar o estado da embalagem do produto. A caixa precisa estar seca, sem sinal de umidade. "Embalagens úmidas mostram que o material não foi guardado em local adequado, os fogos podem estar estragados e provocar acidentes", alerta o coordenador. "O clima frio de Curitiba costuma prejudicar o armazenamento dos artefatos de pólvora".

A data de validade deve ser observada. Quanto mais velho o material, maior a possibilidade de estar estragado. "Tanto o comerciante quanto o fabricante são responsáveis pela qualidade e segurança dos produtos", afirma Hermes Peyerl.

O produto que apresentar alguma alteração deve ser devolvido no local onde foi comprado.

Distância - Antes de soltar os fogos, é preciso ler atentamente as instruções de segurança do fabricante. Os fogos devem ser lançados a uma distância mínima de 20 metros do público e longe de marquises, beirais, cabos de energia elétrica, de telefone ou de linhas de alta tensão.

Se não houver detonação, os fogos não podem ser reutilizados nem jogados perto dos observadores. Essa é uma das maiores causas de acidentes.

Crianças não devem manipular nem permanecer próximas aos fogos. As bombinhas, que podem ser vendidas para menores de idade, devem ser manipuladas com supervisão dos pais.

Já os shows pirotécnicos precisam ser feitos por um profissional em locais isolados, longe das aglomerações de pessoas.

A Cosedi oferece orientações à população sobre instalação de baterias de fogos, shows pirotécnicos, comercialização e classificação de riscos.

veja também