Cursos de qualificação profissional são oferecidos em Guarapuava

Cursos de qualificação profissional são oferecidos em Guarapuava

Atualizado: Sábado, 30 Julho de 2011 as 8:50

Jovens com idade entre 14 e 18 anos podem realizar cursos de capacitação profissional, gratuitos, em Guarapuava - a 257 quilômetros de Curitiba. Ao todo são 60 vagas dividas nos cursos de assistente de cabelereiro, consultor de vendas em materiais de construção e operador de computador.

Os cursos são oferecidos pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e haverá um processo seletivo para que as vagas sejam ocupadas. A data de divulgação do resultado varia conforme o curso.

As aulas são de segunda a sexta-feira, pela manhã. Para o curso de assistente de cabelereiro são 20 vagas. O candidato precisa ter, no mínimo, 18 anos e ter concluído a sexta série do Ensino Fundamental.

No caso da qualificação para consultor de vendas em material de construção, é necessário que o jovem interessado possua, no mínimo, 16 anos e tenha concluído o Ensino Fundamental. Além disso, o Senac exige que o candidato tenha realizado outro curso de capacitação de vendedor ou comprove experiência na área de mínimo de dois anos.

Quem deseja se capacitar para ser operador de computador, deve ter pelo menos 14 anos e ter estudado, no mínimo, até a sexta série do Ensino Fundamental.

Veja o período de inscrição de cada curso

- Assistente de cabelereiro

Inscrições: até 28/08/2011

Número de Vagas Gratuitas: 20

Carga Horária: 200 h

Idade mínima: 18 anos

Escolaridade: Ensino Fundamental 6ª Série

Período: 12/09/2011 a 24/11/2011

- Consultor de vendas em materiais de construção

Inscrições: até 04/09/2011

Número de Vagas Gratuitas: 22

Carga Horária: 93 h

Idade mínima: 16 anos

Escolaridade: Ensino Fundamental completo

Período: 19/09/2011 a 21/10/2011

- Operador de computador

Inscrições: até 11/09/2011

Número de Vagas Gratuitas: 18

Carga Horária: 160 h

Idade mínima: 14 anos

Escolaridade: sexta série do Ensino Fundamental

Período: 19/09/2011 a 17/11/2011

fonte: G1

veja também