MENU

Delegados são detidos por sumir com lista de propina em São Paulo

Delegados são detidos por sumir com lista de propina em São Paulo

Atualizado: Sexta-feira, 4 Fevereiro de 2011 as 1:31

Dois delegados da Polícia Civil foram presos, na quinta-feira (3), em flagrante sob acusação de sumir com uma lista de propina da máfia dos caça-níqueis. Nela estariam registrados pagamentos que supostamente seriam feitos toda semana para a delegacia que eles comandavam: o 42º Distrito Policial, no Parque São Lucas, na zona leste de São Paulo. Os policiais negam as acusações.

Elton Martinelli, delegado titular do distrito, e Flávio Afonso da Costa, seu assistente, teriam aproveitado um descuido dos corregedores. Estes já haviam detido dois investigadores do 42º DP, quando deixaram a lista na mesa do titular da delegacia "por 20 segundos" para tentar deter um terceiro investigador no corredor do distrito. Quando voltaram para a sala do delegado titular, a lista havia sumido.

A Corregedoria passou a investigar o caso depois de receber uma denúncia ontem de manhã. Segundo a informação recebida pela DOP (Divisão de Operações Policiais), da Corregedoria, três investigadores da delegacia seriam responsáveis por recolher a propina toda sexta-feira. Mas teriam resolvido apanhar o dinheiro um dia antes porque policiais do distrito teriam sido transferidos da delegacia para o Deic (Departamento de Investigação sobre Crime Organizado).

Os dois investigadores detidos acabaram sendo ouvidos como testemunhas, enquanto os delegados foram autuados em flagrante. Na corregedoria, os policiais - delegados e investigadores - negaram tudo, até mesmo a existência da lista.      

veja também