MENU

Denúncia de bomba em avião no Rio foi feita por polonês, diz PF

Denúncia de bomba em avião no Rio foi feita por polonês, diz PF

Atualizado: Terça-feira, 26 Julho de 2011 as 12

Um polonês foi o responsável pelo tumulto em um avião da TAM que partiria na noite de segunda-feira (25) do Rio para Frankfurt, na Alemanha, segundo informou a Polícia Federal nesta terça-feira (26). O estrangeiro foi detido após denunciar que havia uma bomba a bordo. Um passageiro registrou o momento em que agentes da PF retiram o passageiro da aeronave e enviou ao VC no G1. Veja o vídeo ao lado.

  Os passageiros tiveram que desembarcar e aguardar no setor de embarque do aeroporto, enquanto a PF e cães farejadores vasculhavam a aeronave e bagagens. O avião, que tinha decolagem marcada para as 21h de segunda, deixou o Aeroporto Internacional Tom Jobim, na Ilha do Governador, apenas às 5h36 desta terça, segundo a TAM.

Procurada pelo G1 , a assessoria da Polícia Federal não confirmou até as 11h desta terça se o estrangeiro continua detido, e disse ainda que não tinha outras informações para fornecer. O G1 tentou também contato com o delegado Ricardo Bechara, que fica na delegacia da Polícia Federal no Tom Jobim, mas ele não quis atender a equipe de reportagem.

Em nota oficial, a TAM informou que o voo só foi liberado para decolar após uma inspeção, em que nada foi encontrado. Entre tripulação e passageiros, a aeronave teria cerca de 200 ocupantes, sendo alguns deles atletas que participaram dos Jogos Mundiais Militares no Rio.     A companhia aérea divulgou uma nota sobre o assunto às 8h29. Veja a íntegra:

"A TAM informa que os passageiros do voo 8102 (Rio de Janeiro-Galeão/Frankfurt), com previsão de decolagem para ontem, 25, às 21h, precisaram ser desembarcados após uma ameaça de bomba, feita por um passageiro, detido pela Polícia Federal.

Como estabelece o procedimento para estes casos, a aeronave e as bagagens foram inspecionadas por policiais e o voo foi liberado. A decolagem aconteceu às 5h36 de hoje, 26, com previsão de pouso em Frankfurt às 17h26 (horário de Brasília). Os passageiros receberam toda a assistência da companhia"&S234;.          

veja também