MENU

Depósito de laboratório farmacêutico é interditado em Belo Horizonte

Depósito de laboratório farmacêutico é interditado em Belo Horizonte

Atualizado: Sexta-feira, 15 Abril de 2011 as 2:42

A Vigilância Sanitária interditou por 90 dias o depósito do laboratório farmacêutico Hipolabor em Belo Horizonte. A medida foi comunicada na manhã desta sexta-feira (15) por representantes do Ministério Público Estadual, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e Vigilância Sanitária Estadual.

De acordo com as entidades, que atuaram em fiscalizações no laboratório durante a semana, a empresa não teria uma autorização especial da Anvisa para o funcionamento do depósito e, por isso, está suspensa a retirada de insumos e medicamentos estocados no centro de distribuição interditado.

De acordo com a Superintendência Estadual de Vigilância Sanitária, os medicamentos vão ser inspecionados para avaliar a necessidade da suspensão da venda.

Interdição

De acordo com o promotor de Justiça Renato Fróes, o MPE pediu a interdição do depósito da empresa depois de uma operação feita nesta terça-feira (12), quando apreenderam documentos. Após análise, constataram que os documentos indicavam que a empresa não teria licença especial para funcionar.

Segundo Fróes, o laboratório apresentou um "termo de inspeção" para funcionamento do depósito/centro de distribuição, mas não era suficiente para garantir o funcionamento. O MPE pediu que a Anvisa retornasse ao local para realizar nova inspeção com base nos documentos apreendidos. O promotor disse que local está sendo inspecionado, mas que a decisão de interditar é da Vigilância Sanitária.

O Hipolabor é suspeito de sonegação fiscal, fraudes em licitações, formação de cartel, adulteração de medicamentos e formação de quadrilha. Três pessoas foram presas até o momento.

As investigações começaram há pouco mais de um ano, por causa de notícias divulgadas pela imprensa. No início, as investigações eram focadas no enriquecimento ilícito.      

veja também