MENU

Deputado Agnello tira beijo gay de propaganda eleitoral na TV

Deputado Agnello tira beijo gay de propaganda eleitoral na TV

Atualizado: Quinta-feira, 16 Setembro de 2010 as 2:29

Foi protocolada, pelo candidato Waldir Agnello, a representação que tramita no Tribunal Regional Eleitoral, que prevê um ato irregular na propaganda que infringiu as normas previstas para Horário Eleitoral Gratuito. Consta que o partido PSOL e seu candidato ao Governo do Estado, Paulo Roberto Bufalo, veicularam nas imagens um beijo gay entre dois homens, no programa intitulado "Você tem opção, Você tem o PSOL".

A veiculação ofende a legislação eleitoral, como preceitua o artigo 242 do Código Eleitoral, afirmado que a propaganda não deve "empregar meios publicitários destinados a criar, artificialmente, na opinião pública, estados mentais, emocionais ou passionais". (Redação dada pela Lei nº 7476/86).

Agnello, como defensor dos princípios cristãos e dos bons padrões da moralidade, rapidamente agiu contra essa propaganda e teve seu pedido acatado pelo Desembargador Mathias Coltro. O Tribunal deverá julgar essa representação nos próximos dias.

"Nota-se que beijo gay entre homens ou mulheres não se configura como programa de governo ou proposta de trabalho, claramente fica patente a indução ao eleitor a se simpatizar ao candidato e ao partido por tocar sentimentos emocionais e passionais dos eleitores", diz Agnello.

veja também