MENU

"Descargas elétricas causaram o blecaute", diz Lobão

"Descargas elétricas causaram o blecaute", diz Lobão

Atualizado: Quinta-feira, 12 Novembro de 2009 as 12

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, afirmou há pouco que o blecaute que atingiu 18 estados brasileiros na noite de ontem (10) foi provocado por raios, ventos e chuvas concentradas na região de Itaberá, no interior de São Paulo, que provocaram um curto circuito nas linhas de transmissão que partem de Itaipu.

A interrupção teria começado em três circuitos de Itaipu. De acordo com diretor do Operador Nacional no Sistema Elétrico (ONS), Luís Eduardo Barata, a pane acabou provocando o desligamento de mais dois outros circuitos de corrente contínua e de cerca de 15 outras linhas de transmissão como forma de proteger o sistema de transmissão e não danificar equipamentos.

O ministro disse que não há o que fazer para evitar novos apagões porque o que tinha que ser feito, ou seja, o reforço das linhas de transmissão, já foi feito nos últimos nove anos. Ele comparou o blecaute a uma acidente de avião ao dizer que ''as máquinas são feitas para serem perfeitas, como o avião, que as vezes cai''.

Em alguns lugares, como Rio de Janeiro e São Paulo, o restabelecimento do fornecimento de energia chegou a demorar seis horas. No entanto, para o ministro Lobão, não houve demora. Ele argumentou que em alguns lugares o restabelecimento ocorreu em 15 minutos e o tempo médio ficou em três horas e meia - período que considerou razoável em comparação com outros blecautes ocorridos no Brasil e em outros países.

Lobão chegou a citar os blecautes ocorridos no leste dos Estados Unidos e no Canadá, em 2003, cujo tempo de restabelecimento chegou a quatro dias. No mesmo ano, segundo o ministro, a Itália chegou a ficar 24 horas sem energia elétrica.

O ministro disse ainda que não acredita que o blecaute tenha causado um clima de insegurança para os empresários e para os investidores estrangeiros em relação ao Brasil. ''Não houve isso. Hoje a Bolsa de Valores operou em alta. Nós continuamos crescendo e vamos crescer ainda mais'', disse Lobão.

O ministro acrescentou que não acredita que o blecaute seja usado politicamente pela oposição para minar o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. ''Confio no espírito público dos deputados e senadores brasileiros''.

veja também