MENU

Desenvolvimento econômico é principal meta do novo governador da Paraíba

Desenvolvimento econômico é principal meta do novo governador da Paraíba

Atualizado: Segunda-feira, 1 Novembro de 2010 as 8:45

O desenvolvimento econômico será uma das principais metas do governo de Ricardo Coutinho (PSB) nos próximos quatro anos. O novo governador da Paraíba pretende atrair empresas de grande porte por meio de isenções fiscais. "É fundamental que empresas tenham incentivos para que a gente possa desenvolver a Paraíba, por isso vou trabalhar com o pé no chão".

Coutinho disse que, antes de assumir o cargo, vai se reunir com empresários de vários municípios para traçar metas de desenvolvimento. "É um trabalho árduo de mudança de mentalidade. Cabe ao governo criar as condições para que isso ocorra. Há ausência de projetos estruturantes que podem fazer com que o nosso estado se diferencie dos demais. Vou dialogar com todos os setores da Paraíba".

Ele também pretende participar do processo de transição de governo intensamente. "Sei das limitações que vamos encontrar. Quero o mais rápido possível ser recebido para instalar a comissão de transição. Vou fazer um convite ao Tribunal de Contas da União e ao Ministério Público Federal para acompanhar de perto esse processo", disse em entrevista coletiva.

O novo governador vai assumir um estado com 55% de comprometimento orçamentário. O estouro do orçamento tem ligação direta com o fato de que 80% dos paraibanos são servidores públicos. "Existe uma população além da máquina administrativa. Não posso inviabilizar o estado por meio de uma folha [de pagamento]".

Durante a entrevista, Coutinho também fez referência a Cássio Cunha Lima, senador paraibano que teve mais de 1 milhão de votos e não pôde assumir porque foi enquadrado na Lei da Ficha Limpa. "Cássio é o senador da Paraíba. Não vejo, no Estado de Direito, alguém ter duas penas para uma infração. O Supremo Tribunal Federal vai reconhecer o que o povo da Paraíba quer, Cássio eleito senador".

De acordo com Coutinho, o processo eleitoral na Paraíba foi mais violento este ano. "Esta eleição teve uma diferenciação muito forte, em alguns momentos assumiu contorno de profundo desespero".

Ricardo Coutinho venceu as eleições com 1,079 milhão de votos (53,70% dos votos válidos). Ele derrotou o atual governador, Zé Maranhão (PMDB), que teve 930,3 mil votos (46,30%). O peemedebista reconheceu a derrota e desejou que Coutinho faça um bom governo.

Por: Daniella Jinkings

veja também