MENU

Deus me livrou dali, diz fiscal que trabalha em guarita atingida em SP

Deus me livrou dali, diz fiscal que trabalha em guarita atingida em SP

Atualizado: Quinta-feira, 14 Outubro de 2010 as 2:26

A fiscal que trabalha na cabine de fiscalização derrubada por um ônibus na manhã desta quinta-feira (14) no acesso ao Terminal Parque Dom Pedro, no Centro de São Paulo, contou que havia saído por alguns minutos quando ocorreu o acidente. “Na hora que eu cheguei, o ônibus estava em cima da guarita. Foi Deus que me livrou dali. Eu nasci de novo, posso dizer isso”, afirmou Silvana Silva. Um homem de 79 anos morreu no acidente.

O ônibus perdeu o controle, subiu na calçada, passou por cima de um ponto de ônibus e ainda destruiu a cabine de fiscalização. O pedestre ferido chegou a ser resgatado pelo helicóptero Águia, da Polícia Militar, mas morreu logo após dar entrada no Hospital das Clínicas. Segundo a assessoria do hospital, a morte ocorreu às 10h50. O acidente deixou outras quatro vítimas: duas pessoas tiveram ferimentos leves e outras duas ficaram em estado de choque. Elas foram levadas para os pronto-socorros Vergueiro e João XXIII.   Segundo o delegado StefanUszkurat, do 1º Distrito Policial, o motorista será indiciado por homicídio e lesão corporal culposos – quando não há intenção. O condutor também ficou ferido e foi levado a um pronto-socorro. Por volta das 12h, a área onde aconteceu o acidente continuava isolada. A perícia havia concluído o trabalho, mas um guincho era aguardado para remover o ônibus.

Em nota, a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) informou que o ônibus envolvido no acidente fazia o trajeto de São Bernardo do Campo, no ABC, ao Terminal Rodoviário Tietê, na Zona Norte, e bateu em outro coletivo antes de atropelar os pedestres. A EMTU também afirmou que está acompanhando a ocorrência e irá apurar as causas do acidente. O acidente aconteceu por volta das 9h30.    

veja também