MENU

Dezesseis usuários de crack são recolhidos em Madureira, no RJ

Dezesseis usuários de crack são recolhidos em Madureira, no RJ

Atualizado: Sexta-feira, 15 Julho de 2011 as 10:32

Dezesseis pessoas, entre elas três menores, já foram recolhidas na operação que a Polícia Militar e a prefeitura do Rio fazem para combater o uso e a venda de crack, no Morro do Cajueiro, em Madureira, no subúrbio do Rio , nesta sexta-feira (15).

De acordo com informações da Secretaria municipal de Assistência Social, 30 funcionários, 40 policiais militares do 9º BPM (Rocha Miranda) e seis policiais da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) ainda estão na comunidade.

Mulher com tesoura

Segundo informações da Secretaria, os agentes tiveram dificuldade para recolher uma mulher que estava drogada e com uma tesoura na mão. Ao tentar evitar entrar na van que levaria os usuários para triagem no 9º BPM, ela deu um pontapé no peito de um agente da Secretaria, que caiu da van. O funcionário teve de ser atendido por uma ambulância da PM, que dava apoio à operação.

Nesta sexta-feira (15), também a Secretaria dá início a um novo serviço, chamado Assistência Social Intinerante. Após as operações, um ônibus com uma equipe de assistentes sociais e psicólogos vai continuar prestando atendimento às comunidades, num período que pode variar de uma semana a um mês.

"Vamos continuar prestando serviços sociais ao longo da semana, após as operações. Vamos prestar serviços sociais, principalmente, às famílias que já perderam vínculo com os usuários de drogas. Mas também daremos orientações sobre exploração sexual e trabalho infantil. Vamos dar suporte às operações, evitando assim que as pessoas tenham de ser levadas para abrigos.Trata-se de uma extensão do trabalho que é feito nos 14 centros de atendimento especializados da Secretaria", informou a assistente social Daphne Braga, uma das coordenadoras do projeto.

Esta é a segunda operação de combate ao crack na semana e a 19ª desde março. Os usuários recolhidos serão levados para o 9º BPM (Rocha Miranda).

Ação no Jacarezinho

Na quarta-feira (13), agentes da Secretaria municipal de Assistência Social (SMAS) recolheram 47 usuários de crack durante uma operação contra o crack, na Favela do Jacarezinho , no subúrbio. Segundo informações da própria Secretaria, entre os recolhidos havia 10 crianças e adolescentes e uma mulher grávida.

De acordo com a Secretaria, ao chegar no local, os agentes foram recebidos pelos usuários com pedras. Um dos veículos utilizados na ação foi atingido e o motorista ficou ferido. Ainda não há informações sobre seu estado de saúde.     Ainda de acordo com a Secretaria, foram apreendidas facas, munições, bombas caseiras, morteiros e material para consumo de crack. A ação contou com o apoio de Policiais da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), do 3º BPM (Méier) e de agentes da Guarda Municipal.          

veja também