MENU

Dia da Cidadania inicia campanha itinerante no Distrito Federal

Dia da Cidadania inicia campanha itinerante no Distrito Federal

Atualizado: Segunda-feira, 10 Agosto de 2009 as 12

A Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania do Distrito Federal iniciou ontem, 9 de agosto, uma campanha itinerante para levar esclarecimentos às comunidades carentes sobre atendimento público nas áreas de saúde, segurança, justiça e cultura.

O primeiro passo nesse sentido foi dado neste domingo, dia 9, com a realização do Dia da Cidadania, no Recanto das Emas, onde foram instalados postos móveis para tirar dúvidas da população sobre direitos do cidadão na esfera pública, conforme revelou a responsável pela Coordenação de Assuntos para a Mulher, Valéria Souza Rocha.

Ela disse que apesar de a Lei Maria da Penha - que criou mecanismos para combater a violência doméstica contra a mulher - já ter três anos, até hoje muita gente, principalmente das comunidades menos esclarecidas, não sabe que pode dispor desse canal para reclamar maus-tratos de seus parceiros. "O nosso trabalho aqui consiste em mostrar que elas agora têm respaldo jurídico", acrescentou.

A afirmação é reforçada pela coordenadora do Núcleo de Defesa da Mulher, da Defensoria Pública, Heloísa Lombardi. Ela disse à dona de casa Ângela Pereira, de 33 anos, que foi buscar informações sobre seu processo de separação do marido, que a Lei Maria da Penha é uma proteção contra a violência doméstica e dá mais confiança à mulher para denunciar maus-tratos dos parceiros.

No quiosque destinado às ações de saúde, a maioria dos populares buscava esclarecimentos sobre meios de evitar a contaminação pelo vírus Influenza H1N1, causador da influenza A (H1N1) - gripe suína. Além de distribuir folhetos informativos, médicos e enfermeiros destacavam a necessidade de cuidar bem da higiene pessoal, como forma mais eficaz de evitar o vírus.

"Houve boa procura da comunidade ao posto do Dia da Cidadania", de acordo com Valéria Rocha, porque a administração da cidade e agentes do Governo do Distrito Federal (GDF) fizeram bom trabalho prévio de divulgação, chamando a população. A divulgação está sendo feita também em outras localidades que serão atendidas pelo mutirão nos próximos dias.

Ações semelhantes estão programadas, até o fim de setembro, para Santa Maria, Riacho Fundo 2, Vila Telebrasília, Granja do Torto, Lago Oeste e o presídio feminino na Papuda.

veja também